Florbela Caetano

Florbela Caetano

Gosto dos mundos que se dizem contraditórios: a publicidade e o jornalismo. Gosto de pensar que os dois nos podem ajudar a viver num mundo melhor. Gosto de sentir que informar pode repor a serenidade no meio de caos. Deixo-me fascinar com a imagem e perco-me na escrita. Entre todas as alianças de universos ao nosso dispor, quero dizer as palavras e criar imagens com o som.
O dia em que a Jane Austen destruiu o meu toucador

O dia em que a Jane Austen destruiu o meu toucador

Adoro as obras clássicas da literatura. Encanto-me com as histórias de amor conturbadas que desafiam a razão. Por isso, durante…
Tenham medo. Tenham muito medo.

Tenham medo. Tenham muito medo.

Parece-me que nunca se falou tanto de medo como agora. Fala-se em voto pelo medo da imigração. Discute-se o medo…
“O material tem sempre razão, tu tens de ser sincero”

“O material tem sempre razão, tu tens de ser sincero”

No final dos anos 60, um dos criadores da banda desenhada “Astérix” fez três pranchas que mostravam a famosa personagem…
Sobre a arte de ser insubstituível

Sobre a arte de ser insubstituível

Entre tudo aquilo que me causa angústia por falta de entendimento, a expressão “ninguém é insubstituível” é perita em pôr-me…
“Meu amor, estaremos sempre de passagem”

“Meu amor, estaremos sempre de passagem”

Estudar a mais de 200 km de casa fez com que muitos “até amanhã” ficassem reduzidos a um único “boa…
“O Pintassilgo” é boa literatura consagrada em Hollywood

“O Pintassilgo” é boa literatura consagrada em Hollywood

Nunca li as centenas de páginas que Donna Tartt criou a partir do quadro “O Pintassilgo”. Aliás, nunca li nenhum…
Um regresso sem…

Um regresso sem…

Há mais de um ano que não escrevia para o Repórter Sombra. Foram mais de 365 dias a preparar a…
“Mad Men”: retrato de um estilo de vida

“Mad Men”: retrato de um estilo de vida

Este era para ser um texto, puro e duro, sobre razões para assistir a “Mad Men”. Contudo, entre a maturação…
António Ferro: senhor do regime, senhor das artes

António Ferro: senhor do regime, senhor das artes

Há quem diga que inventou o Salazarismo. Por essa razão, ficou “por amar”. António Ferro foi a figura forte do…
“Um homem chamado Ove”: o rezingão dos tempos modernos

“Um homem chamado Ove”: o rezingão dos tempos modernos

Existem muitas estórias sobre velhos rabugentos que conquistam a nossa compaixão, após conhecermos as privações pelas quais passaram. Basta pensarmos…
Back to top button
Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker