CulturaCultura

Projecto Blue Beam

Teoria da Conspiração

E se, o maior plano mundial estivesse a ser arquitectado minuciosamente, em apenas 4 estágios estratégicos e tecnológicos, com o objectivo de dominar o mundo através de manipulação cerebral e instaurar a Nova Ordem Mundial?

E se Serge Monast, jornalista investigador, estivesse certo?

E se, para dominar o mundo, seria necessário implantar uma nova – e única – religião?

Afinal, o que é o Projecto Blue Beam?

O Projecto Blue Beam (Raio Azul) tem o único propósito (e muito simples de se explicar): a dominação global para a Nova Ordem Mundial.

Como dito, em apenas 4 estágios esta autoridade seria instaurada.

1º Estágio

Destruir todas as religiões e crenças que existem através de alegadas descobertas arqueológicas e, provando e descrendo, irrefutavelmente que, por exemplo, Jesus nunca teria sido crucificado ou provas categóricas que desmentissem a Bíblia ou o Alcorão ou outro símbolo e/ou artefacto religioso qualquer de extrema importância.

Estas supostas descobertas surgiriam por terramotos artificiais ou por descobertas (supostamente) involuntárias.

E se, dúvidas restassem, segue-se para a etapa seguinte.

2º Estágio

Hologramas surgiriam nos céus!

Hologramas do Deus ou Deuses adorados pelos fiéis, definida a entidade estrategicamente por área de crença, e trariam mensagens importantes: a religião que hoje se pratica, seja ela qual for, é a religião do Homem e não a deles sendo, assim, tudo uma mentira e que o caminho da salvação é a Nova Religião que estaria prestes a apresentar-se!

As Entidades iriam surgir durante algum tempo até que a ideia ficasse semeada e bem assente. Desta forma, estaria prestes a chegar a hora da osmose de todos os Deuses e surgiria, então, A Nova Divindade – provavelmente o Anticristo.

Estes Hologramas seriam projectados por satélites que estão em órbita na Terra, devidamente equipados para se conseguir tal efeito.

Após a 2ª etapa completa, segue-se o 3º estágio, a verdadeira manipulação e lavagem cerebral.

3º Estágio

Neste ponto, a alta tecnologia prevalece: o Espectro de Dispersão do Som do Silêncio (Silent Sound Spread Spectrum ou SSSS).

É um som de pouca frequência, inaudível para o Homem, através de ondas UHF. Aqui, a SSSS, estaria com imensas mensagens subliminares para semear confusão e manipulação do Homem: o Deus de cada um, ou Deuses, falaria directamente com os seus fiéis através, então, de uma comunicação bilateral electrónica telepática.

Para nota de rodapé: esta tecnologia existe efectivamente e é uma das tecnologias mais modernas no campo da manipulação cerebral.

4º Estágio

A invasão alienígena, em Hologramas, claro está.

Nesta etapa, o caos seria instalado, num ambiente bélico e apocalíptico.

O pedido desesperante das pessoas por uma solução e pela salvação seria evidente e natural.

Neste momento, a manipulação tomaria conta de cada um e a missão do Projecto Blue Beam teria sido realizado com sucesso.

Quem está por trás do Projecto?

Esta nova religião – conhecida como a Nova Religião Global -, seria, portanto, o primeiro passo para a Nova Ordem Mundial.

Quem está por trás da Nova Ordem Mundial?

Sim… Os Illuminati.

Para eles, dominar o mundo, na nova ordem, há necessidade de criar uma religião da qual as pessoas acreditem solenemente e esta, por sua vez, dominada pela Nova Ordem Mundial – objectivo final dos Illuminati. Naturalmente, o apoio dos EUA e da NASA seria essencial (não há propriamente milagres com os hologramas, por exemplo…) e estes seriam, no fundo, os patrocinadores do Projecto Blue Beam.

A tecnologia necessária para este Projecto ir avante e com sucesso, é absurdamente louca!

Não obstante, o jornalista investigador Serge Monast, nos anos 90, acreditava genuinamente que este Projecto iria acontecer eventualmente e foi graças a ele que a Blue Beam surgiu em praça pública.

Quem foi Serge Monast?

Serge Monast

Nascido em 1945, era jornalista de investigação em Quebec, activista e autor de mão cheia: escreveu “O Governo de Anticristo”, “A Conspiração dos Illuminati”, “O Programa das Nações Unidas de Campos de Concentração na América” e, o que lhe rendeu várias idas à TV, “Projecto Blue Beam (NASA)”.

A obra mais completa e que mais se destaca é “Os Protocolos de Toronto (6.6.6)”. Serge afirma que um grupo maçónico têm trabalhado as mentes das pessoas desde dos anos 70 para estarem preparados para a Nova Ordem Mundial. Este livro foi escrito tendo por base os “Protocolos dos Sábios de Sião” onde é descrita uma conspiração judaico-maçónica para a destruição do Ocidente.

Serge disse, em 1994, que todas as pessoas seriam obrigadas a fazer um juramento a Anticristo para serem reintegradas na nova sociedade que surgisse.

Quem resistisse à Nova Ordem Mundial, teria um de pelo menos dos seis destinos:

– Crianças cristãs seriam escravas sexuais ou mantidas em reservas para sacrifícios humanos;

– Prisioneiros usados para experiências médicas;

– Prisioneiros usados como banco vivo de órgãos;

– Trabalhadores saudáveis seriam colocados em campos de concentração de trabalho escravo;

– Prisioneiros incertos seriam recolocados em um Centro Internacional para a reeducação e reaprendizagem para a glorificação da Nova Ordem Mundial;

– Por último, todos os restantes, iriam para o Centro Internacional de Execução.

Após divulgar o Projecto Blue Beam e ter escrito livros sobre o tema, pouco tempo depois ele é encontrado misteriosamente morto. Como uma boa Teoria da Conspiração que é, não se poderia deixar de especular sobre a mesma: oficialmente, Serge falece de ataque cardíaco; para os teóricos, fora assassinado com armas psicotrónicas de controlo mental que afectam directamente a psíque da pessoa.

Previsões, até à data…

As previsões de Serge foram sempre empurradas com a barriga desde dos anos 80 até hoje.

Há quem acredite que ele retirara o Projecto Blue Beam de um roteiro de Star Trek.

Contudo, o próprio admitiu que obras como Star Trek, Star Wars, Odisseia no Espaço foram criados para nós, meros terráqueos, oferecêssemos pouca resistência quando a Nova Ordem Mundial chegasse.

A verdade é que em 2017, a NASA foi capaz de criar hologramas gigantes no céu e, para os teóricos da conspiração e para quem acredita no Blue Beam, defende que o teste da NASA tinha como objectivo verificar a reacção do Homem à uma invasão alienígena.

Como teoria que é e sem provas concretas, há quem acredite neste plano majestoso e há quem não acredite.

Mas… E se for verdade?

Tão verdade como a profecia do Apocalipse da Bíblia?

Tags

Rita Morais de Oliveira

Sem apresentações hollywodianas, nasci em 1988 no Nordeste Transmontano, Portugal. Encontrei o meu habitat na escrita desde que comecei a ler e a escrever. Nos meus tempos livres, além de Freelancer de Conteúdos, também sou uma aspirante escritora em (eterna) construção e indiscutivelmente contra o Novo Acordo Ortográfico. Com dois contos editados nas Antologias "À Margem da Sanidade" e "O Penhasco"; outro publicado na Revista Pulp Fiction e um livro em criação. Prevalece sempre o mesmo género literário: policial, thriller, suspense e algum terror psicológico. Como o nosso velho amigo Albert Einstein disse: "Criatividade é inteligência divertindo-se."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Back to top button
Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker
%d bloggers like this: