fbpx
Bem-Estar

A grande vitória de Portugal

A vitória de Portugal

Agradecemos a todos os portugueses a maravilhosa manifestação do seu poder perante esta crise que enfrentamos.

Temos vivido intensamente este desafio.

Sempre olhei para a situação que vivemos, e continuo a olhar, de um ponto de vista humano e, por isso, mais qualitativo e menos quantitativo.

O modo como Portugal enfrentou esta situação resulta numa grande vitória, não obstante o imenso sofrimento inerente.

Quando me refiro a vitória refiro-me ao facto de termos conseguido evitar as tragédias mais do que dramáticas que se viveram em Itália, França e Espanha, países próximos do nosso.

Tivessem os nossos governantes agido mais antecipadamente e teríamos evitado o grande sofrimento que todos padecemos.

Uma avaliação da vitória de Portugal

Ao longo dos últimos meses, tenho avaliado o desempenho dos Portugueses perante esta crise.

A minha avaliação não se baseia em estudos passados nem em dados estatísticos.

Baseia-se no contato direto que tive nos mais diversos contextos, junto de lares, hospitais, autarquias, forças de segurança, casas de acolhimento e famílias.

Contato direto com pessoas na vida real

Os dados que recolhi têm que ver com a experiência observada e recebida pelas próprias pessoas que estavam no terreno, seja no trabalho seja em suas casas.

Procurei compreender as atitudes e crenças subjacentes das pessoas nas suas dinâmicas intrapessoais e interpessoais e no quadro das suas experiências.

A partir da narrativa dessas pessoas visei privilegiar as dimensões que normalmente escapam às abordagens quantitativas, dando ênfase ao que é particular, individual, único.

Os benefícios deste tipo de avaliação

  • Convoca as pessoas a falar da sua experiência;
  • Propicia uma melhor aproximação à realidade e uma diminuição de preconceitos;
  • Possibilita a exploração de dinâmicas interrelacionais e emocionais;
  • Valoriza os dados das pessoas de um modo operativo e não só responsivo;
  • Favorece níveis de profundidade que de outro modo dificilmente seriam alcançados.

Principais razões para a nossa vitória

À luz da avaliação que consegui realizar destaco dez principais razões que estão na base da vitória do povo português:

  • O sentido de solidariedade, de patriotismo e de pacificação do povo Português
  • A rede de suporte familiar/social existente em Portugal
  • A resiliência dos maiores de idade
  • A excelência dos profissionais portugueses nas mais diversas áreas
  • A unidade da classe política instruída pelos nossos melhores peritos
  • A informação qualificada de alguns meios de comunicação social
  • A grande experiência de Portugal organizar grandes eventos
  • A estratégia nacional integrada que desde fevereiro começou a ser montada, a partir das experiências de outros países.
  • A alta qualificação humana, científica e tecnológica de Portugal
  • A rede de interajuda institucional e empresarial.

Bernardo Corrêa d'Almeida

Sou o Bernardo Corrêa d’Almeida e exerço a profissão de psicólogo. Tenho uma grande paixão pelo que faço e isso traduz-se em presença, cuidado, dedicação às pessoas com quem trabalho. Também sou professor, escritor e curioso em aprender!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Back to top button
Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker
%d bloggers like this: