Bem-EstarLifestyle

Sou o meu guru

Acordar e recomeçar o dia. Repete-se vezes e vezes sem que se encontre o sentido. Dias cinzentos e dolorosos que convidam à reflexão. Pequenos espelhos que não mostram o que é, mas, sim, o que gostaria de ser. Força para tornar a sair da cama e enfrentar a vida que se atira de frente e sem rodeios. Luz que fere a vista e choca no íntimo.

Acordar e recomeçar o dia. Uma luz intensa inunda o quarto e o calor que espalha é colorido e saboroso. Tem dedos pequeninos e suaves que tocam na face e segredam melodias saborosas e animadoras. Energia que enche o peito, inunda o peito e solta raios vigorosos de alegria. É um dia maravilhoso a ser vivido!

Sou aquilo que eu quiser ser. Decido que a minha vida é comandada por mim e que sigo as indicações que quiser.  Não me detenho com miudezas nem com obstáculos que são colocados para mostrar que a força anímica é determinante e poderosa. Sei o meu caminho.

Acordei e sou um Porsche. Percorro o dia em alta velocidade e dou nas vistas por onde passo. Sou potente e o barulho que solto é uma espécie de ronronar que acalma os mais nervosos. Viram-se à minha passagem. Sinto-me bem e sei que vou ser sempre assim.

Acordei e sou um Smart. O caminho é sempre em frente e o pequeno tamanho permite que me encaixe em todos os locais. Passo despercebido, mas sigo como sempre nos intervalos do que não interessa. Por hoje basta-me e o pouco é mais do que suficiente.

Acordei e sou um autocarro. Carrego em mim as dores dos outros. Sirvo para os levar, para os encaminhar e lhes descobrir os melhores e mais adequados locais para se sentirem confortáveis. São muitos e todos diferentes. A demora é maior e o som é menos simpático.

Acordei e sou uma simples bicicleta. Preciso de me carregar com os pedais e com a força que necessito de efectuar para os mover. Pedalo e volto a pedalar e percebo que quanto mais o fizer melhor ficarei. Nada me bloqueia, porque sei contornar as ditas pedras e ver a sua beleza.

Acordei e sou um carro velho. Custa a arrancar e tem teimas. Sabe-a toda e funciona quando entender. Mimo-o e a nossa ligação fica mais forte. Conheço-lhe as manhas e finjo que ganha. Já não é velho, é vintage. Todos os admiram e o orgulho de ser supera todas as adversidades.

Acordei e sou um Ferrari. Vermelho lindo e forte que capta a atenção de todos por onde passa. Carrego na velocidade em tom maior e nada me consegue deter. O caminho torna-se curto e a distância é sempre relativa. Hoje é sempre a abrir caminho nas fileiras da vida.

Acordei e sou eu. Simplesmente eu. Escolho o fato que quero vestir. O sol nasce a meu lado e segreda-me palavras de incentivo. Oiço-o, porque sei que assim será sempre mais forte. Olho para o espelho e vejo uma imagem que afinal até reconheço. Eu. Sorrio e recebo a resposta esperada. Amo-me e sei como sou importante.

Estou na rua. Sinto-me confiante. Sei que consigo superar o que me possam colocar à frente. Vejo onde estão as ratoeiras e as armadilhas. Sinto-me bem. Abro os braços e fecho os olhos. Cheiro a vida e tenho a certeza de que tudo vai correr conforme eu entender. Sou feliz!

Tags

Margarida Vale

A vida são vários dias que se querem diferentes e aliciantes. Cair e levantar são formas de estar. Há que renovar e ser sapiente. Viajar é saboroso, escrever é delicioso. Quem encontra a paz caminha ao lado da felicidade e essa está sempre a mudar de local.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Check Also

Close
Back to top button
Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker
%d bloggers like this: