Manuela Gonçalves Pereira

Manuela Gonçalves Pereira

Madeirense, casada e mãe de dois filhos, os seus amores-para-sempre. Residente em Coimbra e licenciada em Comunicação Social, inspira-se nas pessoas e em tudo o que a vida oferece. Enveredou pela comunicação das organizações, área em que actualmente exerce a sua actividade profissional. Ler {livros e o mundo} e escrever aqui e ali são alguns dos seus passatempos favoritos. Encara o sentido de humor como uma forma de desconstruir preconceitos. Lema de vida: em tudo há sempre uma oportunidade...
‘A viagem dos cem passos’: um filme sobre amor, gastronomia e raízes

‘A viagem dos cem passos’: um filme sobre amor, gastronomia e raízes

Amor, alma e sentidos. São estes os ingredientes especiais que dão paladar à vida de duas famílias cuja paixão é…
Quando a doença é um caso sério de amor

Quando a doença é um caso sério de amor

É sobre o amor, esse sentimento que vai para além de qualquer vínculo e que nos segura em cada passo.…
Coração, a única casa que temos para morar

Coração, a única casa que temos para morar

Como sabe tão bem chegar a casa e sentir o aconchego do olhar radiante e do abraço que nos diz…
As peças que perdemos e as que achamos

As peças que perdemos e as que achamos

Ganhos e perdas, é disto que a vida é feita. Por esta montanha em que todos escalamos, vamos perdendo e…
A arte de observar

A arte de observar

Dizem os especialistas que 90% dos nossos problemas são criados pelos nossos pensamentos. Nesse caso, se só nos restam 10%…
Quando os donos da razão perdem tudo, até a razão

Quando os donos da razão perdem tudo, até a razão

Uma alta concentração de ego manifesta-se quando alguém quer, a todo o custo, ser dono da razão, com atitudes egóicas…
O desconforto dá bagagem

O desconforto dá bagagem

O destino não é uma escolha nem tão-pouco a dor. Porém, a nossa atitude perante o que nos acontece é…
Que legado cada um deixa nesta vida?

Que legado cada um deixa nesta vida?

Quando alguém morre, não leva absolutamente nada consigo. A questão é: quanto deixa? Não me refiro a bens materiais, que…
“Diz-me só, filho… onde queres que te enterre?”

“Diz-me só, filho… onde queres que te enterre?”

É um dos diálogos mais intensos do filme O Ben está de Volta, numa cena que se confunde perfeitamente com…
O amor vale sempre a pena

O amor vale sempre a pena

É fácil amar o bonito, o encantador, o alegre e o excitante, mas é nos defeitos, na tristeza, na doença,…
Back to top button
Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker