Bem-EstarLifestyle

A Liberdade Para Lá do Que Nos Assusta

Aprendemos a fazer as coisas, ficamos habituados, ultrapassamos medos através da repetição. Ações isoladas podem ser um começo, mas é quando tornamos isso um hábito que realmente ultrapassamos medos e criamos uma realidade diferente. Deixamos de tentar afastar-nos do que nos dá medo e passamos a ver esses medos como um desafio, sabendo que, de uma forma ou de outra, iremos encontrar as ferramentas certas para lidar com o que quer que seja que apareça no nosso caminho.

Ainda que no início seja desconfortável ou não nos vejamos como capazes, é tentando que eventualmente veremos os resultados. Diminuimos o receio e aumentamos a confiança nas nossas capacidades de lidar com o que não podemos controlar, ganhando forças e aptidões para conseguir sempre mais, para embarcarmos em novas aventuras e para dizermos mais vezes “sim” a desafios que nos entusiasmam, ainda que também nos deixem um pouco nervosos e receosos.

Porque aquilo que queremos ser e conseguir deixa, aos poucos, de estar num pedestal, completamente afastado do nosso alcance e passará, com o tempo e a repetição de ações que antes não faríamos por medo,a fazer parte do que vemos como sendo normal, como sendo a nossa própria vida.

Mesmo que no início pareça demasiado difícil ou até impossível para alguém como nós, é fazendo que conseguimos melhorar, é tentando que percebemos que nada é tão impossível quanto parece na nossa cabeça, já que, de uma ou de outra forma, iremos encontrar capacidades que não sabíamos ter e qualidades que acabam por ser desenvolvidas.

E aí percebemos que somos mais capazes do que pensávamos, estamos mais preparados para as eventualidades que não podemos controlar, não porque passamos a controlar o que está à nossa volta, mas sim porque sabemos que conseguiremos lidar com o que quer que seja que apareça no nosso caminho, tornando esse acontecimento uma forma de nos fortalecermos e de estarmos mais preparados.

A repetição é a chave de tudo. Daqui a uns tempos estaremos a ver-nos a fazer algo com o que sonhávamos, demasiado alto, pensávamos nós, mas que acabou por se tornar realidade, como se torna tudo quando tentamos mesmo sem garantias de que vamos ter sucesso, quando tornamos um hábito desafiarmo-nos e fazermos algo mais para além do que é habitual, quando vemos as supostas barreiras que colocamos à nossa volta não como limitações, mas como um novo desafio que devemos aceitar para sairmos mais fortes e com uma nova perspetiva de tudo o que somos e vemos.

Tags

Beatriz Guerra

Apaixonada por escrever, ler e viajar. Adoro ouvir histórias de vida e histórias de sucesso. Interesso-me, igualmente, por temas como: bem-estar e estilos de vida, desenvolvimento pessoal, viagens, cultura, idiomas e sociedade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Back to top button
Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker
%d bloggers like this: