fbpx
Negócios

Sair a horas ou sair a horas?

Fico realmente chocada quando ouço alguém dizer que fica mais 30 minutos, após a sua hora de saída, a trabalhar só para impressionar o/a chefe. Vá, chocada é um tanto dramático, digamos… indignada e surpreendida.

Ao falar com colegas de trabalho e amigos sobre este tema, despoletou-me o interesse em escrever este artigo.

É assim pessoal, eu cá gosto muito da minha chefe e da minha equipa, no entanto, também gosto muito de ter tempo para a minha vida fora dos escritórios! Por mais que tente, não consigo fazer parte do grupo de pessoas que fica mais tempo a trabalhar, ou a fingir que trabalha, só para impressionar alguém.

Faz todo o sentido ficar até mais tarde nos escritórios a partir do momento em que surge uma urgência, ou simplesmente estamos num ritmo de trabalho que não queremos quebrar. Mas nunca me apanharão a ficar até mais tarde só para impressionar quem quer que seja.

Sou uma pessoa que tem muito respeito pelo que faço e pela minha equipa, mas também sou uma pessoa que respeita o seu tempo fora das horas de trabalho e sinto mesmo que não nos devemos desculpar por sairmos à hora que é suposto sairmos (sim, uso a palavra “desculpar” porque, realmente, conheço pessoas que pedem desculpa por terem de sair a horas…).

Vejam lá se não concordam comigo: porque é que haveremos de estar a tentar impressionar alguém ao ficar até mais tarde se o mais provável é não sermos produtivos e, assim, esta situação acaba por se tornar contraprodutiva? Para quê desperdiçar 30 minutos a tentar cair nas boas graças dos outros se depois não se reflete no nosso trabalho e é só para encher chouriços?

Chamem-me de extremista, mas ao menos saio às 18h!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Botão Voltar ao Topo
%d bloggers like this:

Adblock Detectado

Por favor, considere apoiar o nosso site desligando o seu ad blocker.