Martim Mariano

Martim Mariano

Leitor convulsivo e escritor compulsivo. Propenso às fúrias do pensamento e às interpretações do sentimento. Atento por opção.
A importância da Ética nas Redes Sociais

A importância da Ética nas Redes Sociais

Esta semana venho falar-vos de um tema que me tem preenchido o pensamento na grande maioria das pouquíssimas horas vagas…
O Jornalismo e as Redes Sociais

O Jornalismo e as Redes Sociais

Seria no mínimo absurdo e imprudente da minha parte vir para aqui pregar-vos sobre o advento das Redes Sociais e no…
Cristiano, a Bola de Ouro também é nossa!

Cristiano, a Bola de Ouro também é nossa!

Uau! É dele, é sim senhor, a terceira, de ouro, não de prata, nem de casca de batata, mas esta, que…
Pequeno ensaio sobre a Compaixão… ou não

Pequeno ensaio sobre a Compaixão… ou não

Vou começar pelo fim. Espero, do fundo quente do meu coração, que o Natal tenha sido santo e feliz, repleto…
O estranho caso do cronista que não tinha nada para dizer

O estranho caso do cronista que não tinha nada para dizer

Pois é. Pois foi. O comprometimento com este espaço obriga a que se assuma uma regularidade no que à publicação…
Quando Deus fecha os olhos

Quando Deus fecha os olhos

Final de tarde de uma quinta-feira mais ordinária do que todas as que recentemente tenho conhecido. Estou sentado no sofá…
Brasil 2014 – Até agora foi mais ou menos isto

Brasil 2014 – Até agora foi mais ou menos isto

Capitulo terceiro Sim, está escrito terceiro. Leu bem. Porquê?! Porque me apetece, ora essa! Mas também porque ando a ver se…
Repórteres… na sombra… dos dias!

Repórteres… na sombra… dos dias!

Para tantos, para muitos, bastantes, demasiados, foi uma semana que terminou com uma notícia que ensombra e assusta todo e…
Quem somos nós por estes dias?

Quem somos nós por estes dias?

Facebook, Twitter, Instagram, LinkedIn, Pinterest, Tumblr, Vimeo, Youtube, WhatsApp, Google+, Yahoo, Dropbox, Hi5, Gmail, Snapchat, Hotmail, Webmail, Skype, Wordpress. Partilha,…
Ayrton Senna: Já foi há 20 anos

Ayrton Senna: Já foi há 20 anos

Esta história começa pelo fim, porque foi precisamente esse mesmo fim que precipitou tudo o resto. Não sei bem precisar…
Back to top button
Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker