fbpx

Sandra Ramos

Sandra Ramos

Sou formada em Gestão, com especialização em Transportes Marítimos e Gestão Portuária, área onde desenvolvo a minha actividade profissional. Sou adepta da causa animal e voluntária ocasional. Comecei as minhas aventuras na escrita em 2017, com uma Menção Honrosa num Concurso de Autores, tendo a partir daí participado em algumas Antologias e num Concurso de Speed Writing. Edito uma página e blogue do mesmo nome: Escrevinhar / Sandra Ramos, e fui cronista na revista on line Bird Magazine. Descobri que não vivo sem escrever. Apercebi-me, também, que são as nossas características temperamentais mais difíceis que nos aproximam das pessoas com ousadia suficiente para nos amarem.
Pensar Global / Agir Local
Sociedade

Pensar Global / Agir Local

Na vida empresarial, sobretudo quando há negócios internacionais, é habitual o posicionamento de Pensar Global / Agir Local. Este conceito…
Viciantes prazeres solitários
Literatura

Viciantes prazeres solitários

Escrever é muito bom. Há um prazer em juntar letras, ineficazes por si só, em palavras, quase tão ineficazes também,…
Gente com sangue nas veias
Saúde

Gente com sangue nas veias

Quando era pequena havia uma série infantil, Era Uma Vez O Corpo Humano, que dava aos sábados de manhã. Eu…
Um problema (ou dois, ou três) para cada solução!
Sociedade

Um problema (ou dois, ou três) para cada solução!

Lembram-se daquele sketch dos Gato Fedorento em que duas velhotas se digladiavam para decidir qual das duas era mais enferma?…
“Sinto muito, Me perdoe, Eu te amo, Sou grato.”
Bem-Estar

“Sinto muito, Me perdoe, Eu te amo, Sou grato.”

O meu filho tem 14 anos e vai frequentar o 9º ano. Olhando para ele, que já me excede na…
Ser-se Pai ou ter-se filhos?
Sociedade

Ser-se Pai ou ter-se filhos?

Ser mãe é, de tudo aquilo que sou, o que mais gosto de ser. Mais do que isso, é  das…
Seis nomes para um bote
Crónicas

Seis nomes para um bote

Num destes dias de sol, deambulei por entre as embarcações atracadas na marina. Gosto de ver os nomes, inventar-lhes uma…
Bullying escolar em tempos de quarentena
Educação

Bullying escolar em tempos de quarentena

Nunca gostei de cor-de-rosa. Nem quando era menina, achava dum desinteresse imenso, e tendo opção, escolhia sempre o azul, à…
Lipstick Index ou efeito batom – da beleza à economia
Economia

Lipstick Index ou efeito batom – da beleza à economia

Na véspera de voltar ao escritório, parei para pensar no que teria a fazer na manhã seguinte. Depois de alguns…
Tu pars seul ou tu veux que je t’envoie?
Crónicas

Tu pars seul ou tu veux que je t’envoie?

Naquele verão, aprendi muito. Gaiata pequena, 6 ou 7 anos,  habituada à claustrofóbica cidade, onde nem na rua me era…
Botão Voltar ao Topo

Adblock Detectado

Por favor, considere apoiar o nosso site desligando o seu ad blocker.