fbpx
Literatura

Trabalhar a Criatividade com o “O Caminho do artista”

Hoje vamos falar de criatividade.

Há muita boa gente que pensa que criatividade é só ter jeito para fazer trabalhos manuais, umas pinturas, criar uma coisa aqui ou acolá e pouco mais. Há quem não se interesse em ser criativo pois não consegue encontrar qualquer utilidade no poder da criação. Há quem acredite que não tem criatividade nenhuma mas este artigo é para deixar bem claro que a criatividade é muito mais que isso.

Pois é. Nem sequer posso definir a criatividade como um dom pois, isso é o mesmo que dizer que uns a podem ter e outros não e isso não é verdade.

Julia Camerom, no livro O caminho do Artista deixa bem claro que a criatividade, sendo uma característica inerente ao ser humano, é para todos, o que acontece na verdade é que há uns que a bloqueiam e outros que apenas a deixam fluir.

Como assim?

Vejamos: a criatividade é a base de tudo. E não o é, só para os chamados “Artistas” (aqueles que frequentemente associamos aos criadores de arte). A criatividade também é importante na solução de problemas, em dar respostas às questões, aos desafios do dia-a-dia. Afinal de contas, todos nós criamos a nossa realidade, ou seja, a cada escolha que fazemos estamos a contribuir para a construção do nosso amanhã, logo, se estamos a criar, somos criativos. Existem pessoas mais criativas que outras? Sim, claro, mas isso é uma escolha. Os menos criativos optam por fazer sempre as escolhas mais confortáveis, e por consequente, criam um futuro… digamos, dentro da sua zona de conforto, sempre o mesmo, dentro de um mini círculo, onde se dão sempre as mesmas voltas. Na prática, quanto maior a nossa zona de conforto, mais criatividade fomos desenvolvendo para e durante a nossa vida. Simples assim.

Contudo, o livro vai ainda mais longe, para a autora ser criativo é uma experiência que vai para além do espírito,  Julie acredita que apesar de nem todos se tornarem artistas a tempo inteiro, cada um tem um artista dentro de nós. É como se fosse a criança interior, mas é uma criança interior criativa, independentemente da idade, crenças e sonhos que o leitor possa ter ou ter tido ao longo da vida.

Este livro é para quem quiser desbloquear, criar ou melhorar a sua criatividade em todas as áreas. É para quem se quer abrir ao mundo. Incluí tudo e todos com apenas uma única condição: cada um dos leitores tem que assumir um compromisso consigo próprio. Assinado o contrato, o leitor será enviado inicialmente para a linha da frente em dois caminhos: as páginas matinais (3 páginas escritas logo pela manhã) e o encontro com o artista (duas horas só connosco próprios todas as semanas).

À medida que vamos acompanhando a leitura e realizando o nosso variado trabalho de casa encontramos a possibilidade de libertar os nossos bloqueadores: sejam os traumas causados pelos monstros saqueadores de sonhos, sejam os fantasmas escondidos na penumbra da nossa mente.

Este trabalho de evolução criativa é proposto durante 12 semanas. Na prática são 12 semanas de limpeza emocional, de desapegos, de aspiração de desculpas e sobretudo e mais importante, são 12 semanas que damos a nós próprios a oportunidade de descobrir o brilho e o poder que há em nós.

Andreia Ferreira

A sincronização do universo é das coisas que mais me fascina. Acredito (mesmo) que as coisas acontecem por uma razão, e dou por mim a pensar muitas vezes no que é posso aprender com cada situação. Procuro a sabedoria da quietude de espírito e do caminho do meio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Botão Voltar ao Topo

Adblock Detectado

Por favor, considere apoiar o nosso site desligando o seu ad blocker.
%d bloggers like this: