fbpx
Bem-EstarLifestyle

O amor não é um bicho papão

Tantos passos que deste sozinha pelo mundo.

Tantos passos perdidos, porque na realidade nunca saíste do teu mundo. Andaste sempre perdida nas teias da solidão. Davas um passo para a frente e dois para trás. A tua fé tinha terminado e a esperança andava adormecida. Tudo em ti era terra ressequida onde os teus pés pisavam as dores de quem olhava em redor e não via ninguém.

Estavas no meio da multidão e apesar disso vivias em solidão.

Vagueavas sozinha por esses trilhos onde o pensamento se perdia e todos os dias caias no labirinto do sofrimento.

Eu sei bem como é!

Eu também já me obriguei a viver nessa mesma solidão consentida de quem quer fugir de tudo o que lhe pertence. Também caminhei nesse virar de costas para não olhar de frente para a vida.

Às vezes, até é bom porque acordamos com a ilusão de que somos fortes e nada nos irá atingir. Mas, na maioria das noites, as lembranças visitam as nossas insónias e tudo começa a ruir. Tudo volta de novo para o coração que não sabe deixar de sentir.

A solidão mostra-nos a frieza imensa que existe numa cama vazia. E é aí que o coração começa a desenhar sonhos, a colorir futuros que só existirão se nos permitirmos a deixar tudo para trás e tivermos coragem de sermos quem somos. Se a fé for nossa companheira e não tivermos medo de bater com as portas que precisam de ser fechadas.

O mundo não é o nosso quarto, estas quatro paredes onde fechamos os nossos sentimentos para que eles não saiam todos os dias para a rua.

É tempo de tirar a máscara com que todos os dias saímos para a rua. Não somos esse ser frio de sentimentos que sorri para todos e, ao mesmo tempo, chora por dentro. Fugir da realidade nunca nos levará à felicidade.

Tu sabes, que o amor anda no ar. Que o amor são esses dois olhos verdes que te sorriem. Que o amor é esse olhar que te chama. Que o amor te mostra o caminho para casa.

Então, porque continuas a fugir? Porque te escondes cada vez mais longe, quando sabes que o amor sempre te vai encontrar? O amor conhece todos os becos que tu julgas sem saída. Tu foges dele, mas ele sempre te irá agarrar, portanto é hora de baixares os braços. É tempo de cederes ao que sentes. O amor não é um bicho papão, o amor é mais forte do que a razão.

Fecha as portas ao passado. As histórias coloridas de desgostos que carregas contigo, essas lembranças já descoloridas com cheiro a sentimentos passados que teimas em não tirar da tua bagagem, já estão demasiado envelhecidas e tu precisas de algo novo na tua vida. É por teres todo esse peso sobre os ombros que não tens asas para continuar a fazer essa viagem à volta do mundo. Hoje já não és mais do que uma capa esfarrapada pelo tempo com que tentas encobrir o verdadeiro amor que encontraste pelo caminho.

Pára de te negar. O teu corpo já não sabe viver sem esse amor. O teu corpo tem sede de amar e só tu não queres aceitar essa realidade.

Sim, se o amor te encontrou naquela encruzilhada onde os sofrimentos ficam nus e os sentimentos se vestem com as vestes do amor, é porque a vida vos quer juntos. Se, se olharam de improviso, naquele cruzamento em que a ousadia de deixar o coração sentir nos dá coragem para continuarmos a viver e a desenhar sonhos em que tudo aparece como gostaríamos que acontecesse, é porque existe um futuro que vos pertence.

Vai o amor está à tua espera, não te quer aqui sozinha nesta rua colorida e em que tudo o que te falta é o brilho de um olhar atrevido que te quer conquistar. Não fique aqui a desesperar quando do outro lado da rua alguém ouve o teu coração e sabe que ele tem sede de amar.

Angela Caboz

Olá sou a Ângela, nasci no Algarve (Tavira) em 1966 e desde cedo que me apaixonei pelo mundo das palavras. Sou técnica administrativa e aprendiz de escritora nas horas livres. Escrevo o que a Alma me dita e vivo o que coração me pede ... é assim que as palavras se soltam para colorir as páginas da vida!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Botão Voltar ao Topo
%d bloggers like this:

Adblock Detectado

Por favor, considere apoiar o nosso site desligando o seu ad blocker.