PersonalidadesSociedade

Angelina Jolie – a Força de uma Mulher

«Nós temos a possibilidade de escolher como assumimos as coisas que nos acontecem na vida e como elas nos afectam. Podemos ficar consumidos pela raiva e pela escuridão, podemos ser capazes de ganhar novamente, de alguma forma, a nossa humanidade, ou olhar para todas essas coisas e aprender algo sobre nós mesmos.»

Angelina Jolie

Num tempo onde as mulheres ganham grande destaque nas mais diversas áreas, Angelina Jolie é, por inúmeras razões, um nome que ficará gravado na história do século XXI. Actriz, mãe, filantropa, activista, realizadora e, acima de tudo, mulher, Angelina Jolie tem trazido para a opinião pública e para a consciência do mundo de hoje diversos temas, não só individuais, como também respeitantes à humanidade, e é isso que fazem dela uma das mais importantes figuras deste início de século.

Angelina Jolie nasceu no dia 4 de Junho de 1975, às 9:09, em Los Angeles, na Califórnia, filha dos actores Jon Voight e Marcheline Bertrand. Em 1976 passou a viver apenas com a sua mãe e irmão, após a separação dos pais. Este facto, fruto da traição do pai, ainda hoje marca o seu relacionamento com ele, tendo criado diversas desavenças entre ambos. A sua mãe abandonou a ambição de ser actriz para poder ganhar a vida e cuidar dos filhos.

Mapa Natal - Angelina Jolie
Mapa Natal – Angelina Jolie
Angelina Jolie - adolescência
Angelina Jolie – adolescência

Foi ao ver os filmes onde a sua mãe entrou que desejou ser actriz, algo perfeitamente natural para um Ascendente Caranguejo, regido por uma Lua em Carneiro, na Casa 9, casa da fé e da expansão. Esta Lua, embora num signo que, de alguma forma, é um pouco seco e violento para o lado mais sentimental do astro, ganha no seu mapa uma enorme força, pois, para além de ser regente do Ascendente, está ligada em conjunção com Marte, em domicílio, e a Júpiter, trazendo-lhe uma incontestável força e uma profunda ligação à energia da mãe, algo que, com o aprofundar da sua vida, vai ganhando intensidade. É esta Lua também, através duma quadratura a Saturno, em Caranguejo, exilado, na Casa 12, e duma oposição a Plutão, retrógrado, em Balança, na Casa 3, que lhe vai trazer grandes aprendizagens, pela dor e pelo sofrimento, ao longo da sua vida e transformá-la numa pessoa profundamente humana. Tudo isto é vivido e apreendido, muito interiormente, pela acção da Casa 12, e transposto através da sua comunicação, das mais diversas formas, de maneira intensa, pelo efeito da Casa 3.

«Sem dor não pode existir sofrimento e sem sofrimento nunca poderemos aprender com os nossos erros. Para podermos fazer bem, a dor e o sofrimento são as chaves para todas as janelas; sem eles, não há caminho para a vida.» – Angelina Jolie

Angelina Jolie com Brad Pitt e os seus filhos
Angelina Jolie com Brad Pitt e os seus filhos

São muitos os pontos fortes do mapa de Angelina Jolie. Para além da poderosa Lua, e também ligado a ela, há um que se destaca, o seu Ascendente. Directa ou indirectamente, tudo o que conhecemos desta mulher provém do maravilhoso trabalho deste Ascendente Caranguejo, representante dum caminho de vida ligado ao cuidar, às emoções, à maternidade e à dedicação aos outros, muito vivido através do abraçar da maternidade, não só biologicamente, como também por meio de adopção. No entanto, uma das facetas mais visíveis deste Ascendente tem a ver com a intensa conjunção que tem com Vénus, também em Caranguejo, pois ela se manifesta através da beleza pela qual Angelina Jolie é reconhecida e que a faz ser admirada e desejada por homens e mulheres.

Curiosamente, esta mesma beleza que todos vêem nela, manifestada por esta conjunção do Ascendente com Vénus, tem um lado sombrio e difícil, derivado de ser parte integrante de uma configuração de aspectos de nome T-Square, que é uma integração difícil de energias que não se ajustam naturalmente. Ascendente e Vénus, em conjunção, fazem quadraturas a Quíron, em Carneiro, na Casa 10, e Úrano, retrógrado, em Balança, na Casa 4. Sem dúvida que aos olhos dos outros a beleza de Angelina Jolie é incontestável, mas aos seus próprios olhos, tal não é visível, muito pelo contrário.

«Eu não me vejo como uma mulher bonita, porque consigo ver inúmeras falhas. As pessoas têm realmente opiniões estranhas. Dizem-me que eu sou magra, como se isso me deixasse feliz.» – Angelina Jolie

É também esta configuração que teve grande impacto na adolescência da actriz, onde se sentiu isolada e passou a adoptar um estilo punk, vestindo-se de negro. Nessa fase, em função dum relacionamento, abandonou os estudos para ser agente funerária e começou a lançar facas. Nesta fase também, ela experienciou muitas dificuldades em ligar-se emocionalmente, o que fez com que se começasse a auto-mutilar e que, associado ao uso de drogas, depressões, desordem alimentar e tentativas de suicídio, fez com que esta fase durasse não só durante a adolescência mas também no início da idade adulta, tendo sido, segundo a própria, ultrapassada apenas com adopção do seu primeiro filho, Maddox. Energeticamente, a auto-destruição que vivia era reflexo da não-aceitação do seu lado mais humano e do seu caminho de vida, reflexo de vivências kármicas muito profundas que teve de transmutar através de todos esses acontecimentos.

O facto de ter os três planetas transpessoais em movimento retrógrado, localizados nas casas 3, 4 e 5, associados a um Saturno em Caranguejo, na Casa 12, demonstram esta profundidade kármica que Angelina Jolie traz do seu caminho evolutivo e que necessitavam de uma enorme limpeza, algo que ela viveu nesse período. Plutão, em especial, retrógrado na Casa 3, em oposição à Lua, demonstra-nos uma vivência muito difícil do papel de mulher e mãe e uma recusa do seu caminho em vidas anteriores, muito ligado a sofrimento que precisava, de certa forma, de ser purgado. Uma das formas que Jolie encontrou para essa purga foi o sofrimento profundo autoinfligido, que, ao mesmo tempo, lhe permitiu uma grande transformação. Ela própria afirma que esse sofrimento, de certa forma, era terapêutico para si. Outro caminho, mais actual e presente, passa pelas questões de foro feminino, manifestados, primariamente, pela morte da mãe, o seu exemplo de vida, a sua heroína, vítima de cancro (note-se que a mãe é simbolizada pela Lua, no nosso mapa) e, posteriormente, pela sua própria luta com as elevadas probabilidades de ter cancro de mama e dos ovários, o que a levaram a tomar algumas decisões muito polémicas mas, também, a elevar a consciência do mundo para questões como a prevenção e o tratamento destas doenças.

A profundidade emocional que ela vive está muito localizada na forma como a sua mente funciona. Não nos podemos esquecer que Angelina Jolie tem o Sol em Gémeos, na Casa 11, mostrando-nos que ela brilha e marca a diferença pelo que pensa e pelo que transmite. A forma, por exemplo, como vê as entrevistas que dá, é muito característica desta energia, até porque considera que tal só tem sentido se tiver como propósito o mostrar o que pensa e o que vive, nomeadamente as dificuldades e os sentimentos. Esta intensidade é-nos demonstrada pelo dispositor do Sol, Mercúrio, que está em domicílio, em Gémeos, na Casa 11, mas também retrógrado e, mais importante, totalmente isolado, sem nenhum aspecto. A sua voz e a forma como comunica, são de tal maneira profundas e intensas que é impossível ficar-se indiferente a esta mulher. Embora ela pareça muito reservada e, provavelmente, seja de parcas palavras, quando o faz, fá-lo com todo o seu ser, não só com a voz, mas com os gestos, com o olhar, com a alma e, por isso, ela, em tão poucos anos, tornou-se numa das figuras mais mediáticas dos últimos anos. Tal também só é possível pela oposição tão frutuosa, mas difícil, entre o Sol e Neptuno, em Sagitário, na Casa 5. Ainda que seja difícil de se ver num palco, ainda que, tantas vezes, transponha para os seus papéis partes da sua personalidade que, de forma natural, não consegue manifestar, ela tem a consciência que pode e faz a diferença. Note-se que é esta energia de Casa 11 que a levou até às causas humanitárias, de forma tão intensa que ela sentiu como parte do seu caminho de vida, uma plataforma de arranque para o seu caminho evolutivo.

Há muito mais em Angelina Jolie do que aquilo que se vê. Saturno na Casa 12, em Caranguejo, exilado e nas profundezas do seu lado mais espiritual, mostram-nos alguém que aprende de forma sofrida, mas que absorve cada aprendizagem e transforma-a em ensinamento, crescendo em termos pessoais de forma muito rápida e intensa. Este Saturno, em perfeita quadratura com Júpiter, em Carneiro, na Casa 9, mostra-nos também uma limpeza kármica, como já foi indicada anteriormente, muito intensa, um ajustamento sempre muito forte e transformador, de cada vez que necessita de crescer e evoluir, algo que acontece sempre em questões ligadas ao seu lado feminino, desde a ligação à sua mãe até à sua própria ligação aos seus filhos.

O seu caminho evolutivo também é manifestado pela força dos seus Nodos Lunares. O Nodo Sul, em Gémeos, na Casa 11, mostra-nos a sua base de evolução, ligada à sua comunicação e ao trabalho humanitário. De várias formas, e nomeadamente através de um trígono, este Nodo Sul está ligado a Plutão, em Balança, retrógrado, na Casa 3, a casa natural de Gémeos, amplificando a vivência intensa com que Jolie vive esta tarefa, como ela está intrínseca no seu dia-a-dia, na sua forma de estar. Contudo, o seu caminho de evolução é representado pelo Nodo Norte, em Sagitário, na Casa 5, mostrando que é através do seu próprio Eu, de quem é, da sua energia criativa e cuidadora, também ela manifestada pela maternidade, pela fé no ser humano, que tantas vezes demonstra, que pode ajudar o mundo a mudar. Tudo isto leva-nos de volta ao Ascendente e Vénus, ambos em conjunção, em Caranguejo. Note-se que Vénus é o planeta regente esotérico e espiritual de Gémeos, onde está o Sol de Angelina Jolie, e é disposto pela Lua, regente do Ascendente também, na Casa 9, casa natural da energia de Sagitário. Por isso mesmo, ela diz que quando segue a sua mente, Sol e Mercúrio em Gémeos, e não ouve o seu instinto, manifestado pela Lua em conjunção com Marte, em Carneiro, “mete-se em problemas”.

As duas chaves do mapa de Angelina Jolie, os desbloqueadores da sua Essência, são precisamente Mercúrio e Marte, para onde toda a energia do mapa se dirige, demonstrando-nos que as emoções são algo natural para esta mulher, algo que precisa de ser sempre manifestado através do pensamento e da acção. Por isso também, tantos temas, como a sua sexualidade, e outros que através dela ganharam mais voz, como as guerras, os refugiados, as crianças com fome em África e pelo mundo inteiro, foram trazidos de forma tão aguerrida mas, ao mesmo tempo, tão reflectida, pensada e estruturada, por esta mulher que, acredito, fará muito mais diferença nos próximos anos. Como uma seta certeira, para onde Jolie se dirige, atinge de forma incontestável e inesquecível, libertando a energia e marcando a diferença.

Não é apenas um acontecimento que faz de Angelina Jolie uma das mais influentes e importantes figuras destes primeiros quinze anos do século XXI, mas sim tudo o que ela tem feito e vivido nestes últimos anos.

Em Agosto de 2001 é nomeada Embaixadora da Boa Vontade do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados, após ter tomado consciência da crise humanitária que se vivia no Camboja, o que a fez contactar as Nações Unidas para compreender que outros pontos no mundo viviam condições semelhantes. Isso fez com que iniciasse uma dedicação a causas humanitárias que até hoje prevalece e que a levaram a ser reconhecida pelo Alto Comissariado. A cerimónia de nomeação acontece a 27 de Agosto de 2001, poucos dias depois de Vénus, em trânsito, ter feito o seu retorno e feito também conjunção ao Ascendente de Jolie. Nessa mesma altura, Plutão, em trânsito, está a fazer oposição ao Sol, desafiando-a a ver o outro lado do seu Eu e a descobrir muito de si mesmo, enquanto Saturno fazia conjunção com esse mesmo Sol. Nesse mesmo mês, a dia 5, tinha nascido Maddox, a primeira criança que adoptou, cambojano de origem, alguns meses depois.

Mapa-Angelina-Jolie---retorno-2001
Angelina Jolie – Mapa Natal e Retorno 2001
Mapa-Angelina-Jolie---transitos-2001
Angelina Jolie – Mapa Natal e Trânsitos de 27 de Agosto de 2001

Este momento, que lhe traz uma visibilidade a todos os níveis, manifestada também no seu próprio Retorno Solar desse ano, o mapa que traz as energias do seu ano de vida, um retorno poderoso e transformador, com o Meio do Céu do retorno conjunto ao Ascendente natal, o Sol na Casa 8 do retorno e o Ascendente do retorno em perfeita conjunção com Úrano natal. Este é o grande ano de transformação de Angelina Jolie, um ano de profundo despertar, manifestado não só por um enorme protagonismo em termos profissionais mas, acima de tudo, com um despertar para um dos caminhos da sua vida, o da solidariedade em termos humanitários.

Mapa-Angelina-Jolie---retorno-2009
Angelina Jolie – Mapa Natal e Retorno 2009

Todo o trabalho feito durante quase uma década, associada a uma visibilidade e uma notoriedade ímpares, fazem com que, em 2009, a Revista Forbes a eleve à mulher mais poderosa do mundo. O Retorno Solar de 2009 é igualmente muito forte e poderoso, com o Ascendente do retorno em conjunção com Plutão natal de Angelina, numa espécie de bênção que também é um grande peso, pois possibilita igualmente uma limpeza kármica profunda, com a Lua do retorno em conjunção com o Úrano natal. O impacto desse momento é muito profundo, até porque vem no seguimento da morte da mãe, em 2007, e do nascimento dos gémeos, em 2008, algo que vem modificar por completo a consciência do seu sentido de vida, obrigando-a a compreender quem é a propor-se a seguir o que acredita, não só para si, como também para o mundo.

Mapa-Angelina-Jolie---retorno-2012
Angelina Jolie – Mapa Natal e Retorno 2012

Este acontecimento é também o preconizador do que viria a ser vivido em 2013, manifestado pelo seu Retorno Solar de 2012 (energia vivida até ao seu aniversário de 2013), e pelos trânsitos vividos no início de 2013. Em pleno fecho de ciclo de vida, abrindo o caminho para a fase orientada por Marte (em Carneiro, na Casa 9, conjunto à Lua), Angelina Jolie toma consciência da alta probabilidade de ter cancro de mama, o que a levou a tomar a decisão de fazer uma dupla mastectomia preventiva em Fevereiro de 2013. Este facto gerou muita polémica, mas permitiu também a Jolie abrir um novo caminho de luta, o da tomada de consciência da necessidade de prevenção e do impedimento, por motivos de custos elevados, de maior parte das mulheres, ao acesso a estas análises preventivas e a tratamentos. Note-se que o Ascendente do retorno, assim como Plutão, fazem quadratura à Lua e a Marte natais, mostrando que existe uma escolha pela sua vida e pelo seu papel de mulher e mãe, algo que ela manifesta através duma carta à comunicação social, onde podemos ler o seguinte.

«Eu quis escrever isto para dizer a outras mulheres que a decisão de fazer uma mastectomia não foi fácil. No entanto, esta foi uma decisão que estou muito feliz por ter tomado. A probabilidade de desenvolver cancro de mama baixaram de 87% para abaixo de 5%. Eu posso agora dizer aos meus filhos que eles não precisam de ter medo de me perder para o cancro de mama.»

Mapa-Angelina-Jolie---transitos-2-2-2013
Angelina Jolie – Mapa Natal e Trânsitos de 2 de Fevereiro de 2013, início do processo de mastectomia

Mais recentemente, em Março deste ano, Angelina Jolie retirou os ovários e as trompas de Falópio também como medida preventiva, algo que fez também com que se dirigisse à comunicação social através duma carta, mostrando não só as suas motivações, mas também a preocupação com a necessidade de melhorar o acesso a todas as mulheres a este tipo de tratamentos e, principalmente, de prevenção.

Mais do que apenas uma figura pública e uma cara bonita, há uma consciência humana muito profunda desta mulher que luta, todos os dias, com muitas questões interiores, com os vários papéis que uma mulher, hoje, tem, e passa-o para o mundo inteiro. Mulher, mãe, esposa, actriz, entre tantas outras coisas, são apenas uma faceta de uma mulher que, acima de tudo, é profundamente humana.

Tags

Leonardo Mansinhos

Nasci em Lisboa em 1980 sob o signo de Virgem e com Ascendente Capricórnio. Quando era pequeno descobri uma paixão por música, livros e por escrever. Licenciei-me em Organização e Gestão de Empresas pelo ISCTE e trabalhei durante quase uma década nas áreas de comércio, gestão e, principalmente, Marketing, mas desde muito cedo interessei-me pelo desenvolvimento espiritual. Comecei como autodidacta há mais de uma década em diversos temas esotéricos, nomeadamente em Astrologia, e, mais tarde, descobri no Tarot uma verdadeira paixão. Hoje dedico-me a esta paixão através das consultas de Tarot e Astrologia, assim como de formação, palestras e artigos nas mesmas áreas. Em 2009 co-fundei a Sopro d'Alma, um espaço de terapias holísticas e complementares, dedicado ao ser humano e onde dou as minhas consultas, cursos e palestras. Procuro, acima de tudo, ser um Ser todos os dias melhor, pondo-me ao serviço da sociedade através de tudo o que sou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Back to top button
Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker
%d bloggers like this: