AmbienteCiências e TecnologiaHistória

Os gatos pretos são tão fofinhos…

A crença de que os gatos pretos trazem azar é fruto de uma má e duradoura reputação de que estes animais sofreram durante séculos. Na Idade Média, a religião radicalizou-se e os religiosos e sociedade em geral, começaram a acusar de bruxaria todas as mulheres que não seguiam as suas doutrinas dizendo, inclusive, que podiam transformar-se nestes felinos, que eram pequenos demónios sendo queimados em fogueiras para se protegerem de uma suposta magia negra. Por isso, ver um gato preto era quase como ver uma bruxa; daí a superstição de que trazem má sorte.

Esta lenda popularizou-se durante a época da caça às bruxas, que durou uma imensidade de tempo, mas foi diminuindo à medida que os anos foram passando. No entanto muitas pessoas ainda acreditam que se se cruzarem com um gato preto lhes trará algum tipo de negatividade. Ideias tão enraizadas que será complicada desmistificá-las.

Por oposição, noutras épocas, como no Antigo Egipto, os gatos pretos eram sagrados e consideravam-se representações da deusa gata egípcia Bastet do Antigo Egipto. Quem os matasse arriscava uns castigos máximo com a pena de morte. Quando os gatos morriam eram mumificados junto aos seus donos, para serem reencarnados no futuro.

Além disso, outras culturas, como a escocesa sempre consideraram que ter um gato preto em casa lhes trazia boa sorte, assim como os antigos marinheiros que acreditavam que ter um gato a bordo do seu barco era sinal de boa fortuna. Em Inglaterra acreditava-se que se os recém-casados se cruzassem com um gato preto, este lhes proporcionaria prosperidade no seu casamento.

Uma das características dos gatos pretos é o seu bonito pelo preto. Apesar das conotações negativas que possa representar, a cor preta também está associada ao mistério, a elegância, à fidelidade, à força passiva, ao infinito e ao silêncio.

Apesar das superstições, os gatos pretos são um dos felinos mais carinhosos e brincalhões, pelo que costumam ter uma relação muito próxima com os seus donos e, quando se lhes oferece carinho e amor, são muito agradecidos. Gostam de dormir aos seus pés quando estão na cama ou deitar-se ao seu lado no sofá para estarem quentes e sentirem-se seguros ao seu lado.

Não se pode afirmar que tudo o que sofreram ao longo da história os levem a ter uma pesada herança genética, mas estes felinos são muito intuitivos e estranhos com as pessoas e com outros animais e, ao menor sinal de ameaça, costumam fugir para se protegerem. De início são um pouco desconfiados quando lhes é apresentado um desconhecido, mas, depois de perceberem que não há nenhum perigo, aproximam-se com um certo cuidado e dão as boas-vindas pedindo-lhe carícias e mimos.

É importante saber que durante os períodos do cio os gatos pretos são muito activos sexualmente e costumam ser muito barulhentos bem como hiperactivos, pelo que se recomenda a sua esterilização logo que possível, para evitar acidentes ou até mesmo que fujam. Por outro lado, se não estiverem na época do cio, os gatos pretos costumam ser animais tranquilos e calmos, com os quais se pode conviver facilmente.

Para confirmar todas estas teorias, gostaria de falar do Miguel, o meu gatinho preto super-meigo. Estava no motor de um carro e quando lhe peguei ao colo sentiu-se seguro e tranquilo. Entrou numa casa onde já existia um outro gato e dois cães. Foi acolhido como o bebé e cuidado por todos de modo exemplar. É um doce de gatinho. Tem vocalizações para todas as actividades e, apesar de estar esterilizado, todos os anos namora a gata, igualmente esterilizada.

O que se passa é que apenas lhe retiraram as ditas bolinhas, mas não lhe tiraram a ideia de que o macho e a fêmea podem andar sempre na maior das alegrias e lutas que, no fim, acaba sempre tudo bem. É sempre uma alegria e uma festa quando existem gatos numa casa. São mesmo bichos especiais e únicos.

Tags

Margarida Vale

A vida são vários dias que se querem diferentes e aliciantes. Cair e levantar são formas de estar. Há que renovar e ser sapiente. Viajar é saboroso, escrever é delicioso. Quem encontra a paz caminha ao lado da felicidade e essa está sempre a mudar de local.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Back to top button
Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker
%d bloggers like this: