fbpx
SociedadeSociedade

Um texto sobre o amor

Este é um texto para falar sobre amor e seus vários tipos.

Amor entre homem e mulher, amor entre homem e homem, amor entre mulher e mulher não importa, pois amor é amor. O sentimento amor é um sentimento de todos, não faz sentido rotular e colocar gênero ou cor de pele no meio pois a gente só ama alguém e amar vai além de tudo o que conseguimos compreender.

Amamos quando perguntamos se o outro chegou bem em casa, quando escolhemos nos calar para não magoar, amamos nos detalhes nos gestos e nas expressões dos olhares, lábios e caras que fazemos ao encontrar o nosso amor. Amamos com gestos e palavras.

O ano é 2021 e a gente ainda ama como no início da civilização, amamos com vontade, ficamos bobos, amedrontados, fortes e terrivelmente encantados pelo outro. O amor é o motor dá vida, inspira músicas, filmes, contos, teatro, novelas, fotografias, artes clássicas, cênicas e contemporâneas o amor é o que nos mantém são em um mundo onde o amor cada dia mais parece existir menos, mas ele existe e nos pequenos gestos se mostra grande. O amor não prende, não machuca, não mata, ninguém morre de amor e quem mata por amor nunca amou de verdade.

Quem me dera ter de volta todo amor que eu dei para poder dar hoje a outras pessoas não porque aquelas não mereceram naquele tempo mas porque acho que ele seria melhor aproveitado agora com as pessoas que tenho neste momento da minha vida em que o amor me é tão importante, estamos todos cansados e desacreditados com uma pandemia fazendo morada na porta de casa e que olha para nós desejando nos consumir.

Viver é uma luta diária, grande, cansativa e por vezes muito desanimadora eu mesma já quis desistir de tudo, conheço um monte de gente que quis também mas a gente segue tirando forças da única coisa capaz de nos mover, o amor. Amor pelos animais, filhos, amigos, companheiros, familiares, amor pelo cheiro do café de manhã, pelo abraço apertado no fim do dia, amor pelo sol no corpo no dia de verão. Amor por si mesmo. O amor próprio é de longe o mais importante de todos os amores e agora falo isso direcionado em especial as mulheres que me leem.

Mulheres, amem-se como se apenas vocês fossem importantes no mundo pois apenas vocês são. Ame o corpo que você tem, o cabelo, a cor da pele, as qualidades e defeitos, se ame acima de tudo e todos. Dance sozinha em casa, abra um vinho, se olhe no espelho, coloque aquela roupa guardada para a ocasião especial pois a ocasião especial é você!

Só conseguimos amar alguém e amar de verdade quando nos amamos de verdade também, quando sabemos o que gostamos, quando sabemos quem somos, quando nosso prazer e bem-estar está acima de qualquer coisa é só aí que a gente vai poder amar em paz, sem cair em ciladas que sentimentos como baixa estima, carência e medo sempre nos colocam.

A Mari Felix é uma poetisa que eu gosto muito e ela tem uma frase que representa muito o amor próprio feminino pra mim, que diz assim: Lutar para eu ser eu mesma todos os dias requer coragem e eu tenho!

Tenha coragem também. Sei que parece que não, mas as fases ruins vão passar e o amor vai conseguir sobreviver mas enquanto isso não acontece não deixe de se amar. 

Carolina Vieira

Geminiana com ascendente em virgem que gosta de música e de escrever poesias no @maria_ao_mar, luto pelos direitos das mulheres na @plataformageni e acredito que a grama do vizinho só é mais verde pois é de plástico.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Botão Voltar ao Topo
%d bloggers like this:

Adblock Detectado

Por favor, considere apoiar o nosso site desligando o seu ad blocker.