+1 202 555 0180

Have a question, comment, or concern? Our dedicated team of experts is ready to hear and assist you. Reach us through our social media, phone, or live chat.

Todos gostamos que gostem de nós

O Narcisismo não é defeito, é um feitio que pode chatear-nos e um problema a estancar, para não nos submergir. Todos passamos por isso, há quem nem tenha tempo para pensar nisso. São os que descobriram a forma de resolver o problema: raramente se dá por eles.

Encontram ocupações. Formas de os nossos sentidos viverem mais com o outro.

Quem vive muito sozinho ganha Egos enormes. Por outro lado, quem vive em sítios com muita gente perde a importância de si própria e aprende a cuidar dos outros.

Todos somos egocêntricos. A obsessão deve ser encontrar forma de nós nos libertamos disso, dele e não aprofundarmos o problema que só o é, até deixar de o ser.

Todos somos egocêntricos até encontrarmos uma forma de pormos isso ao serviço do outro numa tentativa de sermos melhores.

O que está na fonte disso é os nossos cinco sentidos, NÓS vivermos alimentando o Ego: vemos, ouvimos, cheiramos, saboreamos, sentimos, pensamos virado para nós.

Se decidirmos usar os sentidos estando virados para o outro para a imagem, o som, o cheiro, o sabor, o sentimento pensado nessa interação será mais ou menos óbvio a perda dessa obsessão e passar para o mundo na perspetiva altruísta.

Tudo está fora de nós e a melhor forma de fazeres com que gostem de NÓS é gostar dos outros.

Desde que acordamos ao deitar e às vezes a sonhar, tudo é lá fora trazido para o nosso interior, para podermos exteriorizar pela voz comunicamos.

Se é fácil?

Felizmente que não, exige de nós que sejamos melhores e o mundo está lá fora desde o acordar ao deitar, é connosco alargarmos quem somos até onde queremos ir, a imaginação e o sonho podem libertar-nos do aqui e do agora. Em cada pessoa estão mundos e características que se multiplicam em múltiplas direções, planos, comprimentos, alturas, pesos e ações, texturas, ideias, cores e quanto mais penso mais invento hipóteses fora de mim.

Share this article
Shareable URL
Prev Post

Gala

Next Post

O Sabor da Vida

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Read next

Food all around Us

A propósito da estreia do filme O Chef, recordei-me que o último filme centrado em gastronomia a que assisti já…

O Natal

Gosto muito do Natal! Talvez devido às minhas crenças religiosas, mas adoro ser inocente e acreditar no amor, na…