+1 202 555 0180

Have a question, comment, or concern? Our dedicated team of experts is ready to hear and assist you. Reach us through our social media, phone, or live chat.

Varias bandeiras da uniao europeia em posts e tremulando

A União Europeia vai morrer!

A União Europeia vai morrer e ninguém tira isso da minha cabeça. 

Calma! Vou te explicar o meu ponto de vista.

Todos sabemos que a UE sempre se mostrou forte e altiva, mas também sabemos que ela não é tudo isso que demonstra, afinal há muito mais trabalho que não depende só dela. Suas infinitas cúpulas e reuniões intermináveis por vezes acabam sem respostas e sem decisões reais do que cada país deve fazer e como o fazer.

Refugiados daqui, ajudas financeiras de lá e um monte de países membros sem poder opinar. Sabiamente, ou não, o Reino Unido pulou fora e lembro de na época do Brexit ver muita gente achando que a Alemanha também pularia, mas até esta data que escrevo ela permanece lá e aí entra a minha teoria da conspiração.

Observação: Estas são teorias de uma mulher, imigrante, latino – americana e leiga em políticas internacionais, ok?

Voltando, dos 27 países da UE a Alemanha de longe é o mais rico de todos e mesmo em meio a pandemia seu PIB (Produto Interno Bruto) se mantém o maior de todos e já há previsões de melhora na economia para o segundo semestre de 2021 e aí fica o questionamento, vocês realmente acham que a Alemanha vai ficar com esse “peso” em cima dela? Eu acho que não.

O que poderia salvar a UE? Eu acreditei que o plano de vacinação em massa e os esforços para que todos os países-membros tivessem acesso à vacina de forma igual fosse de facto o que uniria os estados-membros, mas vemos um esforço hora coletivo e hora não. Os países dependem do turismo e, por isso, todos precisam ser vacinados para que haja turismo e defendem que haja vacinas para todos, mas, ao mesmo tempo, vemos vários países lutando por si só. Afinal, já há acusações sobre alguns países da UE que estariam negociando nos bastidores contratos com laboratórios fabricantes e tornando assim desigual a distribuição da vacina entre os países. 

Este tem sido um problema que vem cada vez mais separando os países membros da UE e o que poderia salvar o grupo acaba por afastar cada vez mais e eu não tenho certeza se todos vão conseguir chegar a um acordo comum, se vão aceitar que mais países tenham mais vacinas, se os países mais ricos vão arcar com os custos maiores e se os mais pobres vão conseguir honrar com seus compromissos. Contudo, eu tenho a certeza que mais empatia vinda dos países ricos seria a única forma de salvar esse modelo de cooperação que mesmo tendo teus problemas ainda funciona mais do que a individualidade que todos estamos acostumados a ver. E você, o que acha?

Nota: este artigo foi escrito seguindo as regras do Português do Brasil
Share this article
Shareable URL
Prev Post

Açores

Next Post

O sapateiro

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Read next

A morsa do marceneiro

Já há muito que venho criticando o actual estado de coisas na União Europeia. Não a União Europeia em si mesmo.…

A Europa não é perfeita

Acabei de assistir a um vídeo publicado na página do facebook dos «Socialist and Democrats Group», cujo título é…