Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
HistóriaLifestyleModaSociedade

A história do bikini

O biquíni ou bikini é um conjunto de duas peças, derivadas do fato de banho, de tamanhos reduzidos, que cobrem o busto e a parte inferior do tronco. O nome deriva do atol de Bikini, um atol do Pacífico, usado para testes com bombas nucleares e no dia 5 de Julho de 1946 teve o seu lançamento, numa piscina de Paris. Neste contexto, pretendia-se propor que a mulher de biquíni provocava, na época, o efeito de uma “bomba atómica”.

Os mais antigos precursores dos biquínis de que se tem notícia foram mostrados num mosaico romano do século IV em que várias mulheres, de saiote e bustiê exíguos, praticam desporto.

A criação do biquíni é disputada por dois estilistas franceses: primeiro, em 1946, Jacques Heim apresentou o “átomo” como “o menor fato de banho do mundo”; três semanas depois, em 5 de Julho de 1946, Louis Réard mostrou o “bikini, menor que o menor fato de banho do mundo” e ficou com a fama de criador da peça.

No início, as mulheres não estavam preparadas para usar peças de vestuário tão reduzidas, uma vez que mostravam o umbigo. Os biquínis foram proibidos em vários países, incluindo na França. No entanto, actrizes como Ava Gardner, Ursula Andress e Brigitte Bardot foram contra todos os preconceitos da época e aderiram ao biquíni, como instrumento de sedução em filmes e em fotos.

O estilo da década era duas peças, de tamanho grande e com as cavas da calça bem baixas. Foi considerado ousado, mas, hoje, é tido como um tamanho grande.

Nos anos 1960, o biquíni atingiu o auge de popularidade. Era, muitas vezes, usado como adorno em filmes e músicas e como contestação política e social. Tornou-se um símbolo pop. No Rio de Janeiro, tornaram-se populares os famosos biquínis “fio-dental”.

O biquíni dessa década era ousado, por deixar o umbigo bem à mostra, com cava maior que a dos anos 1950. A actriz americana Jayne Mansfield foi a pioneira ao usar um modelo cuja peça inferior avançava um pequeno centímetro até mostrar o umbigo, motivo de escândalo em Hollywood, no início da década de 1960.

Nos anos 1990, a moda do fato de banho foi reavivada, em especial devido aos efeitos nocivos provocados na pele pela exposição aos raios solares, mas não tirou o lugar ao biquíni. O corpo clama pelo sol e com pedaços mais pequenos de tecido, o chamado bronzeado, torna-se mais eficaz.

Hoje em dia, encontra-se uma mescla de diversas modas antigas, principalmente a dos anos 1970 e 1990, tornando-se menos comum o modelo asa-delta. Novos modelos bastante diferentes são criados e apresentados em desfiles de modas, tornando-se virais em cada season.

Tags

Margarida Vale

A vida são vários dias que se querem diferentes e aliciantes. Cair e levantar são formas de estar. Há que renovar e ser sapiente. Viajar é saboroso, escrever é delicioso. Quem encontra a paz caminha ao lado da felicidade e essa está sempre a mudar de local.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Back to top button

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker
%d bloggers like this: