+1 202 555 0180

Have a question, comment, or concern? Our dedicated team of experts is ready to hear and assist you. Reach us through our social media, phone, or live chat.

A física quântica não vai te salvar

Esse texto não é sobre física quântica, mas sobre as pessoas que dizem usar física quântica para resolver os seus problemas, sim, eles, os nossos (não tão queridos) coachs!

Conto aqui uma coisa que eu não costumo divulgar muito, eu sou uma coach certificada, apesar de não trabalhar com isso. E sinto a necessidade de me defender. Existem bons coachs por aí, sérios, eficientes, mas bastante raros. Quando eu fiz a minha certificação, meu objetivo era trabalhar com mulheres que precisavam de uma ajuda para navegar e crescer no mundo corporativo, algo bem específico e completamente alinhado com a minha experiência de 20 anos em Recursos Humanos.

A minha história como coach começou como a de muitas pessoas: eu estava infeliz na minha carreira, não queria mais trabalhar no mundo corporativo e vi ali uma oportunidade de fazer algo que poderia ajudar outras pessoas. Com tudo isso, entrei em um culto de coachs. Não quero ficar falando sobre mim aqui, já escrevi essa história no meu blog e deixo aqui o link para quem quiser saber mais.

Vamos, então, aos coachs. Não vou falar aqui dos sérios, esses podem ficar tranquilos, o tema desse artigo são todos os outros, que nunca deveriam ser chamados de coach.

Primeira coisa, a profissão de coach não é regulamentada, ou seja, não existe uma entidade ou organização que imponha regras, processos e cobre comportamento ético dos “profissionais” da área. Isso significa que qualquer pessoa, a qualquer momento, pode mudar seu título no LinkedIn ou Instagram para coach e virar um coach.

Claro que existem muitas outras profissões não regulamentadas, mas a questão aqui é que essas pessoas estão aparecendo com promessas de resolver problemas de saúde através de alimentação e suplementos (coachs de saúde), de solucionar seus traumas e crenças limitantes ou de reprogramar seu cérebro para que você tenha uma vida mais próspera (coachs de negócios e de vida), entre outros. Essas atividades envolvem um risco real para quem contrata os serviços e, portanto, deveriam ser regulamentadas. Aliás, já são, porque essas atividades deveriam ser exclusivamente praticadas por profissionais da saúde qualificados – médicos, nutricionistas, psicólogos, etc. Mas sem regra nenhuma, aí estão os coachs.

Dito isso, também quero trazer alguns outros pontos sobre esses processos de coach absurdos que a gente vê por aí. E não estou falando do fulaninho que tem 500 seguidores no Instagram, estou falando de grandes nomes, pessoas famosas, que fazem eventos e cobram uma fortuna por suas chamadas “mentorias”:

  1. O processo de coach serve para te levar do ponto A – onde você está hoje, ao ponto B, onde você quer chegar. Simples assim. Tudo que acontece antes do ponto A não é trabalho do coach. Quando você ouvir alguém falar que você precisar resolver suas crenças limitantes, traumas do passado, relacionamento com mãe e pai ou qualquer outra coisa assim, se essa pessoa não for um psicólogo, corra. Corra muito rápido porque eu posso te garantir que esse fulano não está qualificado a te ajudar.
  2. O coach é um processo complexo que depende, antes de tudo, do envolvimento completo do cliente. Para isso, antes de decidir fazer um coaching, você precisa pensar, analisar, ver qual coach seria melhor para você, pesquisar o histórico dos coachs. Qualquer pessoa que te disser algo como “compre minha mentoria nos próximos 10 minutos e eu vou te dar um desconto de 50% no pacote, se você não comprar agora pode perder sua vaga”, não está pensando no que é melhor para você. O bom coach vai conversar com você individualmente, entender os seus objetivos, te explicar a metodologia usada e te deixar pensar. Em muitos casos inclusive, depois de ouvir seus objetivos, o coach pode te encaminhar para outra pessoa mais qualificada para te ajudar. A mentalidade de escassez não faz parte do coaching, essa é uma estratégia agressiva de marketing feita exclusivamente para gerar negócios para quem está vendendo.
  3. Não, nem o coach do Instagram nem aqueles famosões entendem de física quântica. Física quântica é um dos assuntos mais complexos do planeta, pouquíssimas pessoas entendem do assunto, é tão difícil que quando alguém fala que vai usar dos princípios da física quântica para nos ajudar com algo, a gente acredita, porque não dá pra negar algo que a gente não entende. E quando algum coach te disser que entende disso, peça para ele resolver essa fórmula, se conseguir, está aprovado.
  1. Nunca, repito, nunca, acredite em pessoas que dizem que já escreveram não sei quantos livros, que são palestrantes internacionais, que ganharam não sei quantos prêmios e afins, sem antes pesquisar bem o que isso significa.

Existem muitas pessoas que vivem de organizar eventos e cobrar de quem quer dar uma palestra, para que depois essa pessoa coloque no currículo que é palestrante internacional. Sim, muitas vezes quando você vê alguém falando em um evento, essa pessoa pagou bem caro para estar lá e essa é a única qualificação necessária.

Muitos prêmios também funcionam assim, você paga para concorrer. Isso mesmo, você paga para estar entre a lista dos melhores de alguma coisa, e depois vai sair por aí pedindo votos para todo mundo para conseguir ganhar.

E livros minha gente, todo mundo pode publicar, não significa que seja bom, que alguém tenha lido e nem que seja um best seller, apesar de às vezes as pessoas colocarem um selo dizendo que sim.

Tenho muitas outras coisas para acrescentar na lista, mas o texto está ficando grande demais.

Minha última reflexão é sobre por que o negócio dos coachs cresceu tanto nos últimos anos?

A internet ajudou muito, dando voz e espaço para todo mundo e também trazendo o excesso de informação e notícias falsas, o que torna muito difícil e cansativo descobrir a verdade sobre as pessoas que se dizem coachs.

Contudo, mais do que isso, a vida está difícil, está todo mundo cansado, o mundo corporativo está cada vez mais tóxico, está difícil ganhar dinheiro, e tudo o que nós queremos é alguém para nos dar uma saída, uma resposta. Os coachs descobriram isso rapidamente e atacam justamente aí, no nosso desespero.

Meu conselho aqui (caso ele valha alguma coisa) é para que você, antes de procurar um coach, entenda se você não precisa mesmo é de terapia, porque muitas vezes esse é o melhor caminho, apesar de mais demorado (eu faço terapia e recomendo a todo mundo).

Se você se decidir por um coach, sem problemas, pode me ligar. Brincadeira, mas procure alguém sério, investigue o passado dessa pessoa, as credenciais, se possível pegue referências, veja se a pessoa tem alguma certificação e peça uma conversa inicial sem compromisso, os bons coachs certamente farão isso para garantir que podem te ajudar.

E fique de olho, quase tudo que está nas redes sociais é mentira, você sabe disso, mas não custa lembrar.

Para quem quer saber mais sobre o assunto, recomendo muito a terceira temporada do podcast “The Dream”, sobre coachs.

Nota: este artigo foi escrito seguindo as regras do Português do Brasil

Share this article
Shareable URL
Prev Post

Museu do Louvre – uma visita é insaciável

Next Post

One Tree Hill

Comments 4
  1. Quanto desconhecimento e preconceito em um texto só. Sim, há muitas pessoas fakes na internet, mas isso não quer dizer que uma profissão anula ou não é válida.

    A física quântica é a comprovação de um mundo invisível de energia, unindo espiritualidade e ciência. Dizer que são são só cálculos é pura ignorância.

    As terapias alternativas sempre existiram e sempre salvaram muitas vidas. Triste é quem acha que todo profissional da psicologia é bom e apto para tratar uma pessoa. Impossível generalizar.

    Enfim, um texto carregado de rancor e ignorância.

  2. Como em todas as profissões (regulamentadas ou não) há sempre quem queira vender milagres – e o melhor é fugir destes “profissionais”. Adorei o texto e concordo 100% com ele. Parabéns pela abordagem simples e didática.

  3. Adorei o texto. Não invalido os coachs sérios mas hoje em dia está muito difícil de perceber quem realmente pode te ajudar ou quem quer te pegar pelos seus pontos fracos pra fazer dinheiro sem nenhuma qualificação.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Read next

karma

O despertador tocou, mas não ouviste. Estás cansado, stressado e adormeceste mais uns minutos. Levantaste-te num…

Quanto vale a tua casa?

Até hoje vivi em pelo menos 16 casas diferentes. Excluo desta lista as casas de férias, os hotéis e passagens…