CinemaCultura

Star Wars Episódio III – A Vingança dos Sith

Até à estreia de Star Wars Episódio VII: O Despertar da Força, o Repórter Sombra dá-te a (re)descobrir a força que há em ti, através de uma viagem galáctica pelos filmes anteriores.

Quase a cair no esquecimento estavam os filmes da trilogia/prequela de Star Wars. O Episódio I: A Ameaça Fantasma tinha sido para muitos uma ofensa aos filmes originais, com uma dimensão excessivamente infantil e o Episódio II: O Ataque dos Clones constituía o digital como inevitável irmão gémeo do videojogo, mas com o culminar em A Vingança dos Sith, George Lucas transformou a fasquia e finalmente concretizou o seu sonho.

Há dez anos, este filme encontrou forma de responder a todas, mas mesmo todas as perguntas que dominavam as mentes dos espectadores desde os finais dos anos 70. Se o Obi-Wan Kenobi de Alec Guiness revelou que Darth Vader tinha sido em tempos seu Padawan – responsável pelo extermínio dos guerreiros Jedi’s – aqui percebemos o porquê dos factos. O filme parte de uma nova ameaça, o General Grievous, meio-alienígena e meio-robô que raptou o Chanceler Palpatine (Ian McDiarmid). Para salvo-lo estão novamente os heróis da nação Anakin Skywalker (Hayden Christensen) e claro, Obi-Wan Kenobi (Ewan McGregor).

VJ_starwarsepisdo3_2

Num ambiente de crescente tensão política, o Chanceler Palpatine torna-se figura central – toda a sua faceta de vilão ganha forma através de um metodologia persuasiva, capaz até de enganar o espectador. Na verdade, a interpretação de McDiarmid constitui Star Wars Episódio III como o capítulo mais negro de toda a saga. Além do mais, se anteriormente Hayden Christensen era pouco expressivo, aqui a angústia, desespero e ambição da sua personagem são emoções transmitidas por um rosto que perde muita da sua inocência – é pena que esteja desaparecido de blockbusters desde este então. Além disso, é dominado por premonições de que a sua amada Padmé (Natalie Portman) está em perigo – de que inevitavelmente será responsável.

Natalie Portman ganha outra dimensão neste projeto como uma mulher sofrida e atormentada com os fantasmas do seu marido – George Lucas cria uma verdadeira tragédia, que lida com a paixão de uma forma menos hollywoodiana e mais humana. Os traumas de Skywalker impedirão-o de se tornar o verdadeiro Escolhido. A transformação de bem para mal é radical, como no momento em que depreendemos como assassinou crianças Jedi.

Novamente, damos os aplausos a Obi-Wan Kenobi de Ewan McGregor, a verdadeira estrela revelação da prequela. Neste filme, está mais confortável na pele do Mestre e com o término deste filme percebemos o quanto merecia ainda mais atenção nesta trilogia. O protagonista é muitas vezes colocado à prova, por exemplo quando tem que deixar Anakin morrer, talvez revoltado talvez porque perceba que não há volta a dar. Outros momentos interessantes é a inseparável dupla C3PO (Anthony Daniels) e R2-D2 (Kenny Baker), as únicas personagens que aparecem nos seis filmes e que nunca são alvo do CGI (ao contrário do Mestre Yoda, que só assim consegue mostrar o seu jeito para o combate).

VJ_starwarsepisdo3_3

Por vezes A Vingança dos Sith procura num argumento mais adulto e convincente resolver os problemas levantados nos filmes anteriores. A participação de Chewbacca é um dos claros momentos que alegra os fãs, ao mesmo tempo que a Galáxia começa a estar em perigo. Assim, a sequência de acção na lava torna-se fundamental, pois cria maior tensão e expectativa no espectador. Quando Anakin renasce como Darth Vader, sentimos o pesar da sua respiração ao nosso lado. A figura da morte que representa afirma-se no melhor plano que alguma vez será alcançado nesta saga. O clímax não é do tópico happy-ending para nenhuma das personagens, nomeadamente a morte de Padmé ao dar a luz a Luke e Leia – separados à nascença.

VJ_starwarsepisdo3_1

Star Wars Episódio III: A Vingança dos Sith é muito mais que entretenimento, levanta sérias questões morais e justifica como todas as nossas atitudes terão consequências no futuro. É pena que o digital no episódios I e II tenha mostrado pouco, quando ao mesmo tempo Peter Jackson os explorava na trilogia original de o Senhor dos Anéis – saga que ironicamente seguiu o mesmo destino…

Ficha técnica
Ano de Estreia: 2005/ Título português: Star Wars Episódio III – A Vingança dos Sith/ Título original: Star Wars Episode III: Revenge of the Sith/ Realizador: George Lucas / Argumento: George Lucas/ Elenco: Ewan McGregor, Natalie Portman, Hayden Christensen, Ian McDiarmid, Christopher Lee, Samuel L. Jackson, Anthony Daniels, Kenny Baker e Frank Oz/ Música: John Williams/ Duração: 140 minutos

Tags
Show More

Virgílio Jesus

Licenciado em Ciências da Comunicação e com Mestrado em Cinema e Televisão pela Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, sou um apaixonado por cinema desde os meus 10 anos. Todos me conhecem como o 'viciado em filmes' porque na realidade estou sempre interessado em ter a sétima arte como tema de conversa.

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Check Also

Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker
%d bloggers like this: