SociedadeSociedade

Pecador e crente: uma contradição. Ou não!

Sou crente!

Jesus Cristo fez o derradeiro sacrifício, tornando-se humano e passando por inimagináveis tormentas, até que o mataram. Despiu-se da sua divindade por nós, homens e mulheres, pecadores.

Nem sempre se compreende este ponto de vista e o que digo não passa meramente de um questionar pessoal de muitas coisas. Ao leitor, cabe decidir como quer ver o que exponho.

Crença ou religião. O que é certo e o que é errado? Vivemos dia a dia a tentar agradar aos homens ou a Deus? Qual é o nosso papel?

Nós, humanos, que falhamos de segundo a segundo, podemos cobrar dos outros aquilo que não cumprimos?

Serão as leis uma interpretação negligenciada do evangelho?

O que é a politica no meio de coisas do alto?

Parece não fazer sentido o que disse, mas qual é o sentido de fazermos diariamente tudo aquilo que fazemos? Qual é o sentido, numa sociedade extremamente cientifica, que busca provas em tudo, não ver as provas da história de Jesus.

Corações cegos! Cegos para o evangelho e consequentemente cegos para as necessidades dos outros. Valeremos nós mais que o outro?

Somos nós melhores que aquele que caminha a nosso lado, trilhando um caminho diferente?

Se temos cérebro e pensamos, se as nossas vivências e experiências são diferentes e, consequentemente, nós, sendo um ser social, somos diferentes, porque teimamos em acharmo-nos melhores que o outro?

Qual é a necessidade de querermos fazer os outros à nossa semelhança? Porque tem os outros de ser iguais a nós?

Que fizemos à tolerância?

Que fizemos ao amor?

Que fizemos à bondade?

Que fizemos à solidariedade?

Quem sou eu para apontar o dedo, não é?

Não sou ninguém!

Julgaste que falava de ti? Enganaste-te!

Falo de mim para ti.

Falo do que vivo.

Falo do que sinto.

Falo do que faço.

Falo do que fiz.

Sou pecador, mas sou crente!

Tags
Show More

José Miguel Silva

Para além do meu interesse pela escrita interesso-me pelo desporto, pela religião, pela cultura e pela música. Sou crente em Jesus Cristo. Sou cinto negro em Karate Wado e treinador de grau 1, o que complementa a minha formação do secundário como técnico de apoio à gestão desportiva. Sou voluntário numa ipss, onde estagiei. Nos dois anos de estágio lidei com crianças, jovens e séniores na área de apoio social e de ocupação de tempos livres, para além disto fui um "faz tudo" (desde a organização de atividades, à participação nessas mesmas atividades). O meu pai foi dono dum restaurante, onde eu pude também dar o meu contributo como empregado de balcão. Faço também parte de um grupo de teatro amador dinamizado pelo centro de artes e cultura da minha cidade, Ponte de Sor. Frequentei o curso de gestão na estg em portalegre, durante dois ou tres meses, não tenho a certeza... Não gostei do curso. No meio de tudo isto ainda escrevi um livro de poesia. Neste momento encontro-me na Licenciatura de Desporto e Bem Estar em Leiria. Espero que apreciem o trabalho fruto do dom que Deus me deu. Caso vos apeteça, passem pela minha página de facebook, https://www.facebook.com/jmcmms/ , onde regularmente partilho o meu trabalho.

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker
%d bloggers like this: