Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
CiênciasCiências e Tecnologia

Parecidos, mas não iguais

Coelho ou lebre? Camelo ou dromedário? Alguma vez devem ter-se feito estas questões e tal foi o que aconteceu com uma querida amiga minha, pelo que, por isso, nasceu este artigo.

Existem no nosso mundo alguns animais que são tão parecidos entre si, que, normalmente, acabam por ser confundidos. Porém, é nos pequenos detalhes que se encontram as grandes diferenças e há características marcantes que terminam com os dilemas.

Coelho ou lebre?

MG_parecidosmasnaoiguais_1

Provavelmente alguma vez já te fizeste esta pergunta. Quando nascem, os coelhos costumam vir ao mundo nus e cegos, enquanto que as lebres recém-nascidas são cobertas de pelos, conseguem ver bem e podem também realizar certos movimentos. Quando atingem a idade adulta, as lebres são maiores e têm também orelhas maiores. Outra diferença entre estes animais, é que as lebres são mais rápidas e costumam fugir dos seus predadores com a sua grande velocidade. Já os coelhos costumam esconder-se nas suas tocas, quando o perigo se aproxima. Na fotografia acima, quem é quem? Se observamos bem as orelhas, conseguiremos distinguir que o animal da esquerda é um coelho e o da direita uma lebre.

Crocodilo ou jacaré?

MG_parecidosmasnaoiguais_2

Os crocodilianos atuais são muito parecidos com aqueles que viviam no nosso planeta há cerca de 230 milhões de anos. Ao contrário do que se pensa, pois, muitas vezes, pensa-se que são nomes diferentes para chamar o mesmo animal, o crocodilo e o jacaré são animais diferentes. A primeira diferença é a sua localização natural, os jacarés habitam unicamente no continente americano, enquanto que os crocodilos vivem não somente neste continente, mas também na África, na Ásia e na Austrália. Em relação a diferenças nos seus corpos, os jacarés possuem um focinho mais curto e arredondado na ponta (forma de “U”), pelo seu lado, o dos crocodilos é mais fino e alongado (forma de “V”). Também podemos diferenciar estes animais por causa dos dentes à mostra, quando a boca está fechada. Nos jacarés, apenas os dentes superiores são visíveis, já nos crocodilos podem ver-se tanto os dentes superiores, como os inferiores.

Observando a fotografia, e observando a forma do focinho e dos dentes, podemos ver que a imagem da esquerda é a de um jacaré e a da direita de um crocodilo.

Sapo ou rã?

MG_parecidosmasnaoiguais_3

Há quem pense que um é o nome para o macho e o outro é o nome para a fêmea. Não é bem assim.

Há sapos fêmeas e também há rãs machos. Pertencentes à ordem dos Anura (anfíbios sem cauda), ambos podem parecer-se, mas há algumas diferenças entre eles. Os sapos geralmente possuem uma pele mais rugosa e cheia de “verrugas” e as suas pernas são mais curtas do que as rãs. As rãs, por sua vez, possuem uma pele mais lisa, pernas mais longas para pular melhor e olhos mais saltados. Os sapos preferem viver em terra firme e as rãs preferem lugares úmidos como lagoas.

Há também diferenças em relação às línguas. Os sapos não têm línguas longas e que colam, as rãs sim.

Camelo ou dromedário?

MG_parecidosmasnaoiguais_4

Provavelmente muitos saibam distinguir. Os camelos possuem duas bolsas, enquanto que os dromedários só possuem uma. Também as patas dos camelos costumam ser mais curtas do que as dos dromedários e possuem também uma pelagem mais longa e vistosa. Dromedários são originais de África e do Médio Oriente, enquanto que os camelos são da Ásia.

Assim, na fotografia acima vemos à esquerda um dromedário e à direita um camelo.

Lhama ou alpaca?

MG_parecidosmasnaoiguais_5

Ao contrário do que muitos pensam, não são o mesmo animal. Para diferenciar estas espécies nativas da América do Sul, deve olhar-se para o tamanho e na pelugem. As lhamas são mais grandes do que as alpacas, podem medir entre 1.40 a 2.40 metros, enquanto que as outras medem entre 1.20 e 1.50 metros. e possuem pelugem menos comprida do que as alpacas. Para além disso, possuem uma pelugem menos comprida e têm pescoço e orelhas mais longas do que as alpacas. Apesar de normalmente serem bastante tranquilas, estas duas espécies cospem, quando irritadas, como método de defesa e agressividade.

Na fotografia, quem é lhama? Quem é alpaca? A diferença, observando pelugens e tamanho das orelhas, é clara. À esquerda uma alpaca, à direita duas lhamas.

Parecidos, mas não iguais, são apenas alguns exemplos dentro da grande diversidade de fauna do nosso planeta. A Natureza sempre tem algo a ensinar-nos e, desta vez, fica como lição a importância dos pequenos detalhes.

Tags
Show More

Maria J Gutierrez

Bióloga de profissão, amante da natureza e de todas as suas formas de vida, desde os seres mais gigantes até aos mais pequeninos. Não há nada como estar com a família, descobrir o mundo, aprender, ler um bom livro e cervejinhas com os amigos.

2 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker
%d bloggers like this: