Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
ArtesCultura

Namorados

Confesso que não é dos meus dias preferidos por várias razões, mas ainda assim há que assinalar a data, nem que seja para ter uma desculpa para ir aquele restaurante mais caro, ou fazer uma extravagância. Para quem gosta e pode. A minha sugestão neste dia é também uma história de amor. O Último Voo do Flamingo, quarto romance de Mia Couto (2000), adaptado ao cinema por João Ribeiro (2010), numa produção conjunta de Moçambique, Portugal, Brasil e França, traz-nos belas imagens de África e, em passagens como aquela, Sulplício diz: “Toda a noite sua mãe e eu cantávamos aos flamingos, para que trouxessem o sol de volta a este lado do mundo”. Fica a sugestão.

Flamingos

Tags

Ricardo Jorge

Lisboa, 1978. Licenciado e mestre em Arquitectura pela Universidade de Lisboa, estudou também Design e Ensino das Artes. Paralelamente a estas áreas desenvolve trabalho em Ilustração e Desenho com exposições regulares em Portugal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Check Also

Close
Back to top button
Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker
%d bloggers like this: