CrónicasEuropaPolíticaPortugal

Marcelo vai de mota

1 – Virada a página no que à questão Governo diz respeito – cabendo agora a António Costa governar e demonstrar o porque de a História lhe ter depositado uma enorme e perigosa confiança – eis que o País Político volte toda a sua atenção para as Presidenciais.

E é natural que o faça pois se há alguém que os Portugueses estão fartos de aturar é Cavaco Silva. Cavaco ficará na história como o pior Presidente da República da história Democrática do nosso país…E acreditem que já tivemos Presidentes a roçar o medíocre. Já Aníbal Cavaco Silva bateu todo e qualquer recorde no que à mediocridade política diz respeito. Tal personagem não deixará saudades a quase ninguém. Os únicos que sentirão a sua falta serão os Direitolas da PàF (Coligação PSD/CDS), mas voltarei a este assunto mais lá para a frente.

Ora bem, olhando então de vez para o actual panorama temos então que Marcelo Rebelo de Sousa vai de mota, Sampaio da Nóvoa de triciclo, Maria de Belém de carroça carregada de caruncho, Marisa Matias de carrinho de latão e Edgar Silva não se sabe bem como vai dado que ninguém conhece o individuo.

E escrevo o que escrevo em cima não porque as sondagens assim o digam, mas porque é preciso ter-se uma leitura muito tendenciosa para se ver as coisas de outra forma. Senão vejamos: Marcelo Rebelo de Sousa pode ser aquele tipo de político que diz uma coisa numa semana e na outra já diz outra completamente diferente, mas a verdade é que este vai conquistando cada vez mais adeptos com o seu discurso calmo, apaziguador e neutral (daí a Direitola não gostar dele “nem a tiro”).

2 – Já os restantes candidatos à Presidência da República ou foram irremediavelmente atirados ao insucesso ou estão somente a fazer figura de corpo presente (numa de fazer o frete ao seu eleitorado).

Sampaio da Nóvoa seria o candidato ideal da actual Esquerda unida, mas não o é, porque o Partido Socialista não quer que assim seja e como não quer é, por demais evidente, que Sampaio da Nóvoa esteja condenado ao fracasso.

E no mais do que provável fracasso de Sampaio da Nóvoa que entra em cena a candidatura de Maria de Belém. Esta candidatura é o símbolo máximo da podridão que grassa nas fileiras do PS que obrigou a que António Costa optasse pela livre vontade de cada um em vez do apoio incondicional de todo o Partido a um único candidato e onde encaixaria, na perfeição, Sampaio da Nóvoa.

Maria de Belém, política de profissão, não tem carisma algum, não tem programa, não tem ideias, não tem discurso, etc. Em suma, a Sra. não tem nada de nada a não ser o apoio de uma ala do Partido Socialista que comunga da tradicional e bacoca ideia de que o candidato Presidencial ter de ser alguém com mais tempo de militância no Partido… Depois ficam muito admirados quando nas eleições presidenciais são “cilindrados” por cadáveres políticos como Cavaco Silva (por exemplo).

Já a candidatura de Marisa Matias a Belém é o expoente do ridículo… Então, o Bloco de Esquerda diz ser o Partido “anti-tachos” e vai escolher como candidata à Presidência da República alguém que já tinha sido eleita Euro-deputada nas últimas eleições europeias? Então, como fica o eleitorado Bloquista que votou em Marisa Matias (cabeça de lista para o Parlamento Europeu)? É assim que o Bloco pretende demonstrar a todos nós a sua diferença para as outras carrancudas e ortodoxas máquinas partidárias? Vai longe vai…

Por último, Edgar Silva é aquilo que podemos chamar de “anão aos saltos atrás de um balcão”. Com tanta gente de renome no Partido Comunista Português e o Comité Central teve a brilhante ideia de ir buscar um indivíduo que em tempos andou à “turra e à massa” com Alberto João Jardim… Mas é assim que o PCP se faz notar a nível nacional. E pelos vistos gosta de ser aquilo que é: um Partido de alguns para alguns.

3 – Uma nota final sobre o recente crescimento da extrema-direita em França. Há dias ouvi uma entrevista na Antena 1 em que era perguntado a um emigrante Português que vive em França o porque de apoiar Marine Le Pen da Frente Nacional.

Sabem o que respondeu o Homenzinho? Que apoia Le Pen porque esta é contra os imigrantes… do Leste.

Vale a pena fazer mais algum comentário?

Tags
Show More

Pedro Silva

"É preciso provocar sistematicamente confusão. Isso promove a criatividade. Tudo aquilo que é contraditório gera vida." (Salvador Dalí) Crítico, opinativo e com mente aberta. É isto que caracteriza um Cronista.

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker
%d bloggers like this: