Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
Literatura

Manhãs Milagrosas – Hal Elrod

por Andreia Ferreira

Quem é que aqui gosta de acordar cedo?

Eu não. E foi por isso que comprei este livro:

Convenci-me que tinha que começar a ter manhãs mais relaxantes e sem pressa. Precisei de um reforço extra e fiz esta compra convicta que iria, se não mudar, melhorar um pouco as manhãs que tanto me apressam.

O primeiro insight surgiu quando o autor refere que a maior parte da população habitua-se a ter uma vida medíocre. “Ahhh, a beleza do contentamento”, pensei eu ironicamente. Esta ideia pode chocar algumas mentalidades, contudo, os estudos indicam que uma grande parte da população vive aquém dos seus sonhos, dos seus desejos e/ou das suas possibilidades emocionais (pouco me refiro à questão financeira, isso ficou no artigo anterior que pode ver aqui.

O autor deste livro, Hal Elrod, refere que as pessoas têm grandes dificuldades em atingir o nível 10 em todas as áreas da sua vida, mas que, e passo a citar:

“Até este preciso momento, aprendeu o que era suposto ter aprendido

de modo a poder tornar-se a pessoa que necessita de ser

para criar a vida que verdadeiramente quer viver.”

Eu concordo a 100% com esta afirmação e vocês?

Hal acredita que para chegar ao nível mais alto (em cada área da sua vida) e viver a vida que quer, cada um de nós deve ter uns minutos por dia (60, mais precisamente) para se transformar na pessoa que precisa de ser para atingir o seu objectivo. Contudo, o mais interessante para mim foi constatar que a maneira como despertamos pela manhã afecta directamente os nossos níveis de sucesso. Claro que se saímos de casa irritados, o dia tem tudo para dar errado, mas é muito mais que isso: Hal defende que se acordar apenas 6 minutos mais cedo já pode fazer uma grande diferença. Basta reservar uns minutos para fazer as actividades que mais gosta e a “magia” acontece.

Contas feitas, o ideal é juntar o útil ao agradável e levantar-se uma hora mais cedo para fazer as actividades que lhe dão motivação e que possam contribuir para o seu crescimento pessoal. Desta maneira, os dias são melhores, tornando-se mais leves, com menos stress, menos ansiedade e, sobretudo, com a mente mais clara e receptiva para enfrentar os desafios da vida.

“Isto é muito interessante, mas e as noites mal dormidas?” Perguntei-me eu. Parece que deitar-se mais cedo é a resposta. Pois, aquilo que faz ao fim do dia, deixe para fazer na próxima manhã. Com a cabeça limpa e fresca tudo é mais agradável. A verdade é que já diz o povo português: “deitar cedo e cedo erguer, dá saúde e faz crescer.” E pelos vistos faz mesmo – crescer mentalmente.

Outra coisa que o autor aponta como essencial na vida de sucesso de alguém, é o conceito de “tribo”. Ele acredita (tal como Napoleão Hill), que cada um de nós é a média das 5 pessoas com quem convive e que as pessoas que estão na nossa rede de contactos (mais próxima) são de extrema importância para alcançar o triunfo e por isso devemo-nos rodear por pessoas que nos impulsionam a ser o melhor que pudermos ser e nos afastar daquelas que tenham baixos níveis de energia (sempre a reclamar e a criticar) e que não nos levam de lado nenhum (ou melhor, arrastam-nos para a lama).

Aqui têm uma excelente reflexão: as 5 pessoas mais importantes da sua vida (ou com quem convive mais) dão-lhe impulso para a frente ou impedem a escalada para a glória? Essas 5 pessoas tornam-vos pessoas melhores ou pelo contrário?

Quanto a mim, achei o livro interessante e recomendo muitas das práticas e dicas. É evidente que uma mudança destas não acontece num abrir e fechar de olhos e só por ler um livro. Só com a ajuda do tempo e da disciplina é que conseguimos chegar ao topo da montanha, sem dúvida. Contudo, com este livro aprofundei a crença que cada um de nós consegue-se transformar e/ou reinventar na pessoa que nasceu para ser e que tudo o resto são fases ou apenas desculpas.

Andreia Ferreira

Sou inspirada pelo mundo. Tenho a forte crença que tudo acontece no momento certo, que o mestre aparece quando o aluno está preparado e que por detrás de cada contrariedade há sempre uma oportunidade para aprender alguma coisa. A sincronização do universo é das coisas que mais me fascina por isso, estejam atentos ao que o universo vos leva.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Back to top button

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker
%d bloggers like this: