Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
CulturaCulturaSociedadeSociedade

Illuminati

Teoria da Conspiração

Teoria da conspiração: “a teoria de que um evento ou fenómeno ocorre como resultado de uma conspiração entre as partes interessadas; spec. uma crença de que alguma agência secreta, porém influente — tipicamente motivada por questões políticas e opressiva em seus propósitos —, é responsável por um evento inexplicável”

– em Dicionário de Inglês de Oxford (Oxford English Dictionary)

Illuminati: a sociedade secreta mais famosa e, segundo alguns, a mais perigosa que quer dominar o mundo.

Illuminati: são tão secretos que não se prova, de facto, a existência deles.

Illuminati.

Vários investigadores, estudiosos e interessados lançaram livros e filmes à luz deste tema.

Teoricamente, os Illuminati são responsáveis pelos maiores acontecimentos da história: Revolução Francesa, a Primeira e Segunda Guerra Mundial, 11 de Setembro, entre outros.

E porquê? Para quê?

Para criar a Nova Ordem Mundial: um sistema do qual o mundo não teria mais nações, com uma moeda única e, assim, dando o poder sobre todas as sociedades aos Illuminati.

Contudo, comecemos pelo início…

Como surgiram? 

Alemanha, século XVIII. Adam Weishaupt, filósofo, nascera na Baviera, em 1748.

Teve uma educação extremamente religiosa, no entanto, não gostou do poder que os padres jesuítas tiveram na Igreja (padres, esses, que vieram do Brasil para colonizar e catequizar os índios, na época dos descobrimentos, em 1500).

Weishaupt queria libertar o mundo dessa dominação jesuíta e, desta forma, em 31 de Maio de 1776, formou a antiga Sociedade dos Mais Perfeitos, agora conhecidos como lluminati .

Os Illuminati – que significa Os Intelectualmente Inspirados -, foram criados, segundo alguns, por 3 membros e, segundo outros, por muitos mais.

Desde da primeira reunião, em 1776, eles foram crescendo em número e, com eles, o poder. Porém, o Governo desconfiara e deu início a perseguições.

Já em 1784, 8 anos após da primeira reunião, o Weishaupt fugiu da Alemanha e, aparentemente, seria o fim dos Illuminati.

Boatos ou não?

Alguns acreditam na simples inexistência deles. Outros acreditam na veracidade das histórias e, ainda, acreditam que estejam cada vez mais fortes.

Seguindo o raciocínio dos últimos, Weishaupt quando fugiu, a sociedade continuara clandestinamente, conquistando cada vez mais membros, mais poder e mais influência.

Os Illuminati, teoricamente, e como dito inicialmente, seriam responsáveis por inúmeros acontecimentos mundiais, tais como: Revolução Francesa (1789 – 1799), Revolução Russa (1917), 2ª Guerra Mundial (1939 – 1945), pela famigerada morte da Princesa Diana (1997), pelo trágico 11 de Setembro (2001) e por aí vai…

Mas qual seria a razão?

Como enunciado, para conquistarem o mundo sob a Nova Ordem Mundial que, segundo a polémica autora Nesta Webster, em World Revolution  The Plot Against Civilization  de 1921, teria os seguintes propósitos e objectivos:

  • Abolição da monarquia e todos os governos organizados sob o antigo regime.
  • Abolição da propriedade privada dos meios de produção para os indivíduos e sociedades com a consequente abolição das classes sociais.
  • Abolição dos direitos de herança em qualquer caso.
  • Destruição do conceito de patriotismo e nacionalismo e sua substituição por um governo mundial e de controlo internacional.
  • Abolição do conceito da família tradicional e clássica.
  • Proibição de qualquer religião (especialmente a destruição da Igreja Católica Romana), estabelecendo um ateísmo oficial.

Posto isto e resumindo numa palavra: estariam (ou estão) em busca pelo Poder.

Desta forma, e – de novo –, teoricamente, os Illuminati têm e, almejam, por mais Poder. Quem acredita nele, acredita, também, que a Sociedade manda nos governos. Controla as principais financeiras do mundo, comandam membros das famílias mais ricas e influentes, como por exemplo, a família Rockefeller (fundadores da Standard Oil Company) e que, consequentemente, estes fariam parte da Sociedade.

Assim, quem tem poder no mundo faz parte dos Illuminati ou, então, é dominado por eles. Por outras palavras: “se não podes vencê-los, junta-te a eles”…

Será?

Teorias que tentam provar a teoria

A nota de 1 Dólar!

A nota de 1 Dólar tem infindáveis símbolos que, quem acredita, tenta provar que são símbolos, códigos e enigmas dos Illuminati.

Para começar, temos a base da pirâmide com MDCCLXXVI – 1776 – ano da independência do EUA e, vejam só (!), o ano da primeira reunião que criou a Sociedade.

Ainda na pirâmide, na parte de baixo, lê-se em latim: NOVUS ORDO SECLORUM (Nova Ordem Mundial).

O número 13, uma referência às colónias originais que formaram os EUA e, também, um número alegadamente adorado pelos Illuminati, é visível em várias pontos: 13 andares na pirâmide, 13 estrelas, 13 listas verticais no escudo, 13 flechas, 13 frutos e 13 folhas no ramo sustentados pela águia.

Se fizermos um teste à nossa percepção visual e jogarmos ao “onde está o Wally?” conseguimos não encontrar o Wally mas sim uma coruja que está escondida no canto superior direito. Um símbolo bastante usado pelos Illuminati pois, como se sabe, este representa a sabedoria.

Por último e, de todo, o não menos importante: o olho! O maior símbolo relacionado com os Illuminati. Comumente conhecido como “o olho que tudo vê” é, na verdade, o olho de Hórus – Deus Egípcio. No entanto, este olho pertence a outra sociedade secreta: a Maçonaria!

Desta forma, se o olho é símbolo da Maçonaria porque está relacionado com os Illuminati?

Outras Sociedades

A primeira relação entre os Illuminati e a Maçonaria sempre foi confusa: há teorias que defendem que os Illuminati teriam infiltrado na Maçonaria e, em contrapartida, há teorias que clamam que os Maçons não têm qualquer tipo de relação com os Illuminati para não haver nenhum envolvimento entre ambas as sociedades.

Deste modo, qual a razão de o “olho que tudo vê” estar na nota de 1 Dólar?

Todos os detalhes foram colocados pelo Presidente Franklin D. Roosevelt em 1933 e, pasmem-se, ele era Maçon!

Há quem diga que a ideia de Roosevelt seria para declarar o poder absoluto dos Illuminati no Dólar mesmo o olho ser da Maçonaria.

Confuso?

Além da Maçonaria, há outras sociedades que teriam relação com os Illuminati como, a título de exemplo, a Skull and Bones (Crânio e Ossos), de 1832, formada por estudantes, dos quais um deles seria o George W. Bush.

O Clube de Bildeberg, estabelecida em 1954,  também serve de exemplo: formado por políticos, empresários e banqueiros mais poderosos do mundo.

Teorias dizem que estas sociedades são herdeiras dos Illuminati que, directa ou indirectamente, estariam (ou estão) a trabalhar por e para eles.

Reflexão

Se as pessoas mais poderosas do mundo pertencem a uma sociedade que trabalha para os Illuminati… Quem são os membros dos Illuminati?

A maior parte da informação que existe são teorias e boatos sendo que, segundo estudiosos e entendidos da área, cerca de 75% das informações são falsas.

Haveria muito para esmiuçar, investigar, analisar e escrever sobre este tema e, note-se, que as histórias diferem entre os Illuminati do passado e os do presente.

Há centenas de teorias sobre o tema. Outras centenas de histórias por contar.

Todas elas com as típicas coincidências e, também, incongruências que fazem parte de uma boa teoria da conspiração.

Contudo, aqueles 25% de verdade…

Tags
Show More

Rita Morais de Oliveira

Sem apresentações hollywodianas, nasci em 1988 no Nordeste Transmontano, Portugal. Encontrei o meu habitat na escrita desde que comecei a ler e a escrever. Nos meus tempos livres, além de Freelancer de Conteúdos, também sou uma aspirante escritora em (eterna) construção e indiscutivelmente contra o Novo Acordo Ortográfico de 1990. Com um conto policial publicado - Doce Sentença -, dois em fase de lançamento para as Antologias "A Margem da Sanidade" e "O Penhasco" e um livro em criação, todos dentro do mesmo género literário. Como o nosso velho amigo Albert Einstein disse: "Criatividade é inteligência divertindo-se."

Related Articles

2 Comments

  1. Muito bem explicado em poucas linhas. Parabéns, Rita. Sempre trazendo um assunto que levanta boas discussões e reflexões instigantes. E veja só, aqueles 25% de verdades podem estar relacionadas as formas de governo. E isso pode ser tanto da direita quanto da esquerda, vai saber.

  2. Parabéns, Rita, outro artigo instigante que nos faz refletir muito. O mistério sobre as sociedades secretas sempre permearam o imaginário de mentes ávidas por conhecimento. Você, como sempre, fez um assunto longo ser muito bem esclarecido em poucas linhas. Continue assim, dá gosto de ler suas escritas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker
%d bloggers like this: