ArtesCultura

Espectáculos Clássicos

Aproveita o que a Cultura nacional tem para te oferecer e não percas o que o Teatro Nacional de São Carlos tem para te oferecer, entre Outubro e Dezembro, que terá no seu palco principal duas óperas e alguns concertos corais e sinfónicos. Está atento.

Outubro

Em Outubro, nos dias 9, 10, 13 e 14 será levada à cena a ópera “Il Cappello di Paglia di Firenze” de Nino Rota e que terá como protagonistas Mário João Alves, José Fardilha, Luís Rodrigues, João Merino, Lara Martins e Dora Rodrigues.

Sinopse da ópera: O enredo remete-nos para Paris, onde que um episódio aparentemente inócuo vem perturbar o dia do casamento entre Fadinard e Elena – o cavalo do noivo acaba de comer o chapéu de palha de uma senhora que o pousara por momentos no ramo de uma árvore. O chapéu, apesar de não se lhe adivinhar grande valor, deverá ser por alguma razão importante, uma vez que a sua dona, Anaïde (na verdade, Madame Beauperthuis), vem reclamá-lo com veemência à residência de Fadinard, onde se prepara a boda, secundada pelo seu amante armado de uma pistola. Dada a natureza da inventiva, Fadinard não tem como não partir em busca de um chapéu idêntico.

Na sua missão, é seguido pelos convidados do seu casamento e acaba por descobrir, na casa dos Beauperthuis, que o bendito chapéu havia sido oferecido a Anaïde (Madame Beauperthuis) pela sua tia, a baronesa de Champigny. As circunstâncias duvidosas em que Madame Beauperthuis teria usado o chapéu — num encontro com um amante — impediam-na de explicar como o perdera, o que provoca a desconfiança de Beauperthuis e lança a confusão geral.

A complexidade do enredo contrasta com a simplicidade do seu desenlace: in extremis, tudo se resolve, visto que um dos presentes recebidos pelos noivos, logo na primeira cena, é um chapéu de palha muito idêntico ao comido pelo cavalo.

 

Novembro

A iniciar o mês de Novembro estará em cena uma das conhecidas obras de Gaetano Donizetti, “La Fille du Régiment”, nos dias 4, 6, 8 e 10 de Novembro. Que terá como protagonistas Cristina Oliveira, Alessandro Luciano e Luís Rodrigues.

Sinopse da ópera:La fille du régiment”  retrata a história de Marie, que após ter sido abandonada em criança foi adoptada pelo 21.º regimento das hostes napoleónicas. Tonio apaixona-se pela jovem Marie e tudo faz para que, aos olhos do “pai”, o Sargento Suplice, se mostre digno de casar com ela. Uma velha marquesa, em conversa com Suplice, descobre que Marie é a sua sobrinha desaparecida. Acolhe-a e dá-lhe a educação que até à data Marie não tinha tido, de modo a casá-la com um duque. Marie é infeliz numa vida tão distante daquela que havia tido junto do exército. Tonio implora-lhe que abandone tudo e parta com ele. A marquesa, perante a situação, confessa que Marie é sua filha e permite que esta se case com o fiel Tonio.

Ainda em Novembro não percas o Concerto Sinfónico de homenagem ao Nobel da Literatura José Saramago, pois este ano seria o seu 91º aniversário, onde se irá ouvir “Cruci-Verba”, de Azzio Corghi, para voz recitante e orquestra, e “La Morte di Lazzaro”, também para voz recitante, coro misto, coro infantil, sopros e percussão. A interpretação estará a cargo dos actores Suzana Borges e João Reis, do Coro do Teatro Nacional de São Carlos, do Coro do Conservatório Nacional de Lisboa e da Orquestra Sinfónica Portuguesa, sob a direcção musical de João Paulo Santos.

 

Dezembro

Em Dezembro haverá espaço para os concertos corais sinfónicos dia 7, com o local e o programa do concerto ainda a definir pelos orgãos do TNSC, e dia 15 de Dezembro, no Grande Auditório do Centro Cultural de Belém, também com o programa ainda por definir.

No que toca ao bailado, estará patente no Teatro Camões, no Parque das Nações, “Cinderella” de Sergei Prokofiev. Interpretado pela Orquestra Sinfónica Portuguesa e pela Companhia Nacional de Bailado e encenada por Michael Corder, a Gata Borralheira ganha novas cores com as interpretações lusitanas. A não perder, de 28 de Novembro a 15 de Dezembro.

A finalizar a temporada Outono-Inverno, o Teatro Nacional de São Carlos reabre a sua exposição sobre o mundo da ópera e a sua história ao longo dos séculos. Estará patente no TNSC, de 22 de Novembro a 23 de Dezembro.

Para mais informações, reservas e bilheteira, não hesites em contactar os serviços do Teatro Nacional de São Carlos.

Tags
Show More

Inês Faro

Estudante de Línguas e Literaturas Modernas na Faculdade de Letras da Universidade. Vivo para a música e grande parte dos meus interesses está nessa arte, nesse mundo tão vasto e com tanto ainda por descobrir.

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker
%d bloggers like this: