Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
EducaçãoSociedade

Educação como prevenção

A toda a hora, em qualquer sítio, nas televisões e nas redes sociais a palavra educação anda sempre na baila

Como pode a educação ser uma ferramenta de prevenção? Em que pode a sociedade melhorar, se apostar fortemente na educação dos seus cidadãos?

Segundo a definição mais atual da infopedia, Educação é:

  • processo que visa o pleno desenvolvimento intelectual, físico e moral de um indivíduo (sobretudo na infância e na juventude) e a sua adequada inserção na sociedade
  • processo, geralmente orientado por outrem, de aquisição de conhecimentos e aptidões; instrução
  • conjunto dos recursos dedicados à gestão do sistema escolar de um país,região, etc.
  • conjunto de métodos e técnicas desenvolvidas com o objetivo de garantir o sucesso da aprendizagem; pedagogia
  • formação que se recebeu ou ministrou
  • aperfeiçoamento de um sentido, de uma aptidão, etc.
  • domínio e observância das normas de conduta socialmente aceites; cortesia

Debrucemo-nos hoje sobre a definição que aparece logo à cabeça:

  • processo que visa o pleno desenvolvimento intelectual, físico e moral de um indivíduo (sobretudo na infância e na juventude) e a sua adequada inserção na sociedade

Ora, como diria a minha avó: de pequenino se torce o pepino!

Sou uma apologista feroz que desde muito novos devemos ser ensinados e educados a viver em sociedade. Só assim evitamos casos como em grande escala têm vindo a acontecer em diversas áreas da sociedade (mais à frente detalharei).

A grande maioria das crianças de hoje em dia vive sem regras, sem limites. Cada vez mais passam horas e horas a fio nas escolas e, quando estão com os pais, o que se vê é toma lá um telemóvel ou tablet e entretém-te.

Então, o que queria eu dizer com o acreditar que desde muito novos devemos ser ensinados e educados a viver em sociedade, de forma a evitarmos muito do que acontece hoje em dia? Ora vejamos, aquelas que para mim são 7 pedras basilares da educação:

  • Promover o diálogo no seio da família → fomenta adultos mais tolerantes e capazes de aceitar a opinião dos outros;
  • Promover a resolução de conflitos através da palavra →  capacitamos os adultos a serem eficazes na gestão de conflitos;
  • Promover a igualdade →  não há educação diferente para meninos e meninas, há educação para seres humanos, que promove a tolerância e o respeito;
  • Promover a empatia →  torna a criança/jovem, num adulto capaz de se colocar no lugar do outro;
  • Promover o respeito →  seremos então capazes de ter adultos que se respeitam, que respeitam os outros e que são eles próprios respeitados, e que respeitam ainda todas as formas de vida existentes;
  • Promover a identidade →  não há 2 pessoas iguais e, se todos entendermos isso facilmente não partimos do princípio que a minha verdade é a absoluta, o que nos torna mais tolerantes e capazes de aceitar os que nos rodeiam;
  • Promover a liberdade →  todos temos direito às nossas crenças, às nossas vontades, às nossas conquistas e sonhos, deixemos as nossas crianças crescer em liberdade, pois elas mesmo são únicas e quer, nós, Pais, queiramos ou não, são seres humanos totalmente separados de nós. E que nós queremos que sejam jovens adultos capazes responsáveis e respeitados.

Sou, pois, de profunda opinião que estas 7 bases, desde que de muito cedo aplicadas na educação de uma criança, podem mudar sociedades.

A educação é muito mais do que o diplomas que envergas, é a forma como tratas os outros e como os outros te tratam – a educação é muito mais que um ciclo fechado, é uma aprendizagem constante ao longo da vida!

Tags

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Back to top button

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker
%d bloggers like this: