Ciências e TecnologiaTecnologia

Os mais aguardados de Outubro

Outubro está mesmo à porta e, com ele, dois dos jogos mais aguardados deste último trimestre de 2012. O próximo mês vai contar com os tão aguardados lançamentos de Resident Evil 6 e Assassin’s Creed III, sequelas que já nos têm a salivar de tanta expectativa.

Resident Evil regressa às prateleiras prometendo obliterar o resultado desastroso do último lançamento do franchise, Operation Raccoon City, que obteve nota negativa transversal aos críticos dos videojogos. Na sexta entrega, vamos poder contar com muita acção, muitos modos de jogo e muitos zombies, é evidente. Resta saber se o que nos reservou a Capcom estará à altura das expectativas que entretanto já se foram aguçando com o recente lançamento de uma demo, possível de descarregar online através das lojas da Xbox 360 e PS3.

Três modos de campanha estão garantidos, cada um com protagonistas diferentes – de entre eles revisitaremos Leon e Chris, personagens queridas para os aficionados – bem como cenários e objectivos diferentes. A nova entrega partilhará com Resident Evil 5 a possibilidade de partilhar as missões com outro jogador em tempo real. Torcemos apenas para que a divisão de ecrã esteja melhorada. Novidade é mesmo o serviço online grátis prometido pela Capcom, onde vão estar armazenados todos os dados relativos ao desempenho do jogador, como por exemplo percentagem de sucesso no manuseamento das armas, inimigos mortos ou pontuações.

A gigantesca base de dados será partilhada, e permitir comparações pode ser uma motivação para, não só revisitar o jogo, mas também explorar com muita precisão todas as potencialidades, modos e campanhas. A aventura apocalíptica chega às lojas já no dia 2 de Outubro, até lá, resta explorar a demo que já permite ter um vislumbre do que esperar em gráficos e jogabilidade.

Depois de Resident Evil, e só lá para o final do mês, no dia 31, chega Assassin’s Creed III, a continuação de outro franchise que rapidamente conquistou um séquito fiel de fãs, graças á densidade e complexidade de enredo, cenário open-world e, claro, protagonistas carismáticos e jogabilidade extremamente leve. Para a nova aventura, a Ubisoft promete muitas novidades.

Enquanto jogo de época, e à semelhança dos tão aclamados antecessores, o mundo para explorar apresentar-se-á com poucas ou nenhumas limitações. Desta vez retrocederemos até ao séc. XVIII, para ir ao encontro da Guerra da Independência dos Estados Unidos da América. Afastados da Europa, só o local da acção por si só já introduz novidade. Não se repetem histórias mas mantém-se a intriga e a conspiração. O que não vai faltar é inovação nas capacidades e armas do novo protagonista Connor Kenway. Desde maior dinâmica em combate com a introdução de novas armas, passando por um gameplay que exige mais stealth, aos fãs espera-os uma reinvenção de Assassin’s Creed, ainda assim fiel ao que mais apaixonou os jogadores desde o primeiro lançamento.

Recheado de personagens verídicas, com muitos enigmas por resolver e um vasto mapa para descobrir, onde os locais históricos reais proliferam, fica feito o convite para mais uma aventura épica, que com certeza cimentará o estatuto de Assassin’s Creed como uma das séries mais memoráveis do mundo dos videojogos.

Tags
Show More

Jordana Nicolau Costa

“The greatest pleasure of writing is not what it’s about, but the inner music that words make” – Truman Capote

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker
%d bloggers like this: