CulturaCultura

A Índia e as marcas na testa

MG_aindiaeasmarcasnatesta_1Se existe um símbolo pelo qual podemos identificar rapidamente a cultura hindu e que com certeza já vimos inúmeras vezes em algum lugar, é o pequeno ponto que levam os seus seguidores na testa. Já as vimos muito, mas, qual é o verdadeiro significado destas marcas?

A Índia, país distinguido pela sua rica cultura e inúmeros costumes culturais, surpreende sempre e os seus habitantes utilizam muito estes símbolos na testa. Estas marcas, de tradição antiquíssima, podem ser de várias formas e cores e, como é de esperar, tudo tem o seu simbolismo e o seu propósito, pois o uso desta marca vai muito mais além do que um ornamento de beleza.

Esta marca é chamada de tilaka (em idioma hindi) e somente é desenhada pelo responsável do templo local. É desenhada num ponto exacto localizado na testa, onde se encontra o chakra da sabedoria, chamado de ajna chakra, um importantíssimo ponto de energia.

Segundo o hinduísmo, o ser humano tem dois olhos para observar o mundo físico e um outro olho para ver o mundo espiritual que se localiza no ajna chakra. A tilaka pode ser de cor vermelha, laranja, branco, preto, ou cinzento e a “pintura” é feita com pó de sândalo, cinzas, carvão e argila, entre outros componentes.

MG_aindiaeasmarcasnatesta_2Os homens utilizam este símbolo na testa por motivos religiosos, ou espirituais. Dependendo do símbolo e da cor utilizada, significará que são seguidores de uma divindade ou de outra. Por exemplo, quem tiver na sua testa três linhas brancas com um ponto vermelho no centro é seguidor do deus hindu Shiva, enquanto que aqueles que utilizarem uma marca branca em forma de “U” com uma linha vermelha pintada no meio são seguidores do deus Vishnu. Inclusive há uma tilaka que mistura ambos os símbolos para todos aqueles que veneram ambos os deuses.

No caso das mulheres, a tilaka pode ter também de uso espiritual, mas geralmente tem um significado diferente. Quando as mulheres mostram na sua testa um ponto vermelho, esta marca na verdade significa que estão casadas e, nos casamentos antigos, era costume que o noivo desenhasse esta marca na testa da sua mulher, com o seu próprio sangue. As tradições mudam constantemente e actualmente esta marca costuma fazer-se com tinta. Quando a mulher ficar viúva, deve deixar de usar a tilaka.

Hoje em dia, muitas são as mulheres que consideram que a tilaka não se adapta à vida contemporânea, pelo que muitas substituíram esta marca que define o seu estado civil, ou a sua crença religiosa pelo acessório chamado de bindi, que nada mais é do que um autocolante, geralmente com forma de gota e ornamentado com brilhantes. Os bindis mais extravagantes podem ser ornamentados com ouro e prata.

Actualmente, este acessório, que é usado unicamente pelas mulheres, é simplesmente utilizado como ornamento de beleza.

Tags
Show More

Maria J Gutierrez

Bióloga de profissão, amante da natureza e de todas as suas formas de vida, desde os seres mais gigantes até aos mais pequeninos. Não há nada como estar com a família, descobrir o mundo, aprender, ler um bom livro e cervejinhas com os amigos.

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Check Also

Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker
%d bloggers like this: